Geral

Estado anuncia R$ 8 milhões para recuperação de ruas de Criciúma que passam por obras da Casan

Em Criciúma o sistema de saneamento básico está sendo ampliado no Bairro São Luiz.

Divulgação/Secom

As melhorias no sistema de esgotamento sanitário levam mais saúde e qualidade de vida aos catarinenses. Em Criciúma o sistema de saneamento básico está sendo ampliado no Bairro São Luiz. Como o trabalho da Casan exige intervenções que muitas vezes danificam as ruas, o Governo do Estado irá repassar R$ 8 milhões ao município para a repavimentação asfáltica. Significa que além do tratamento de esgoto adequado, ao final do trabalho, a população receberá de volta as vias em boas condições para circulação.

“As obras de saneamento básico são essenciais, mas as intervenções provocam transtornos. Eles precisam ser corrigidos com rapidez para que a população não sofra. Uma ação complementa a outra”, destacou o governador Carlos Moisés.

O anúncio dos recursos para a repavimentação de ruas em Criciúma ocorreu na tarde desta terça-feira, 2, em reunião com o prefeito Clésio Salvaro e a presidente da Casan, Roberta Maas dos Anjos, na Casa d’Agronômica.

“Ficamos muito felizes com esta ação do Estado para o município. A parceria e o diálogo são muito importantes para avançarmos com eficiência e qualidade”, agradeceu o prefeito Clésio.

A obra

Com investimento de quase R$ 16 milhões – financiados pela Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) – as obras de ampliação do esgotamento sanitário em Criciúma estão sendo realizadas no Bairro São Luiz. Os trabalhos estão 44% concluídos e elevarão o índice de cobertura de tratamento do esgoto para 45% no município.

“É uma obra grande, pela qual mais de 10 mil pessoas serão beneficiadas”, salientou a presidente da Casan

Características da obra

Ligações domiciliares – 2.443 unidades
Rede coletora – 39.870 metros
Emissários – 1.993 metros
Estações Elevatórias de Esgoto – 1 unidade (vazão 50 L/s)
Estação de Tratamento de Esgoto – Ampliação da vazão em 45 L/s, passando a vazão final de tratamento para 135 L/s.

Pauta da reunião

Além das obras de ampliação da rede de esgotamento sanitário, o prefeito Clésio Salvaro e vereadores de Criciúma também apresentaram ao governador Carlos Moisés demanda envolvendo o abastecimento de energia elétrica por cooperativas de eletrificação para parte de consumidores domésticos e industriais. As lideranças pedem que o modelo seja mantido no município. O chefe da Casa Civil, Amândio João da Silva Junior e o deputado Rodrigo Minotto também acompanharam a reunião.

Notícias Relacionadas

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Secretaria de Saúde de Criciúma reforça chamado de gestantes, puérperas e crianças para vacinação contra influenza

Agentes Comunitários de Saúde visitarão as residências para monitoramento e intensificação de informações por causa da baixa adesão à campanha nacional

Coronavírus em SC: Governo do Estado estabelece novas medidas para o transporte aquaviário e comércio de refeições nas rodovias

A comercialização de refeições pode ser feita por restaurantes localizados às margens das estradas e oferecida exclusivamente para profissionais de serviços considerados essenciais pelo Governo do Estado, incluindo nesta categoria os transportadores de carga responsáveis pelo abastecimento e transbordo de insumos da saúde.

Morador é executado com cinco tiros em Criciúma

Segundo informações, a vítima saiu recentemente do presídio e possui passagens por pedofilia e estupro de vulnerável.