Geral

Feagro 2019 é lançada com novidades na programação

O maior evento de agronegócio da região ocorre nos dias 4 a 6 de junho em Braço do Norte

Fotos: Letícia de Oliveira/Sul In Foco

A Feagro 2019 já está com toda a programação pronta para receber agricultores, pecuaristas, piscicultores e público em geral nos dias 4 a 6 de junho. Toda a programação foi apresentada na noite desta quinta-feira (25), em Braço do Norte para autoridades e presentes.

Adir Engel, responsável pela realização da Feira, explica que este ano o evento está voltado para a tecnologia e conhecimento no agronegócio. Ele também falou sobre os principais temas desta edição. “As grandes novidades ficam por conta do Seminário Internacional da Raça Jersey, que estarão trazendo especialistas do mundo inteiro durante toda a quinta-feira. Teremos também um Seminário Estadual da Piscicultura em três etapas, na sexta-feira a tarde e a noite e no sábado de manhã. Para os apreciadores da cachaça, teremos esse ano como novidade, dentro do pavilhão de exposições, o estande de cachaças. Os principais produtores de cachaça do Estado estarão expondo e vendendo seus produtos para os apreciadores dessa bebida brasileira”, comenta.

Este ano a feira reduziu para quatro dias de evento, principalmente pela falta de investimentos do governo estadual. Mesmo com um dia a menos, Adir ressalta a feira continua com a mesma quantidade de simpósios e seminários dos últimos anos.

Foto: Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Sobre os expositores de animais, o organizador declara que haverá mais de 300 animais da raça Jersey. Essa quantidade demonstra o motivo de Braço do Norte ser Capital Nacional do Gado Jersey e também a Feagro ser a maior exposição da raça na América Latina. “Teremos também cerca de 100 animais de corte, com várias raças de corte produzidas aqui no Sul do Estado. Haverá 12 suínos, são poucos porque serão animais para a venda. Aproximadamente 70 pequenos animais e 70 ovinos e caprinos. Então teremos uma grande exposição de animais”, completa Adir.

Para a exposição de animais, Adir explica que haverá apenas produtores de Santa Catarina, porque o Estado está livre da febre aftosa e isso impede que outros animais entrem em Santa Catarina.

“Na questão do agronegócio, máquinas, implementos, prestação de serviços, medicamento e tudo mais, teremos expositores de todo o Brasil, alguns já com representantes na região. Muitas empresas deixam para lançar seus produtos durante a Feagro, fazem promoções e trazem novidades. Então esse é o objetivo principal: fazer um evento para o produtor, para adquirir conhecimento e experiência, além de novas tecnologias”, ressalta Adir.

A Feagro tem como público alvo o produtor rural e pessoas ligadas ao agronegócio, mas a feira é aberta e todo tipo de pessoa pode visitar o evento. “Qualquer público pode conhecer a feira, porque somos uma feira aberta. É um evento voltado para o agronegócio, mas temos gastronomia e bailes na sexta-feira e sábado. Então temos atrações para todos os públicos, mas o foco principal é o produtor rural e o agronegócio”, explica Adir.

Foto: Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Este ano a Feagro apresenta para o público em geral os shows com João Luiz Correia, na sexta-feira, e com Fred e Gustavo, no sábado. Estavam presentes durante a apresentação do evento várias autoridades como o deputado estadual Volnei Weber, o secretário-adjunto da Agricultura de Santa Catarina Ricardo Miotto Ternus, o prefeito de Braço do Norte Roberto Kuerten Marcelino e vereadores do município.

A importância da Feagro para Santa Catarina e o Brasil

O deputado estadual Volnei Weber falou da importância da Feira para o Estado. “É uma feira de negócios aonde tem manejo, genética, equipamentos, trocas de informações entre os produtores do próprio setor. O aprendizado nunca para, todos os dias ela acontece. Essa feira oportuniza a integração e a socialização do setor produtivo. A integração, não só da região, entre os próprios produtores, mas sim com todo o Estado e também com o nosso país. Na Feagro, todos os anos são fechados negócios com Minas Gerais, São Paulo e vários estados do Brasil. Então a Feagro ajuda no desenvolvimento de forma intensa para todo o país”, ressalta o deputado.

O deputado ainda falou da busca de apoio do Governo Estadual para o evento. “A Feagro é uma grande feira de negócios, mas que muitos caracterizam como festa. Eu não vejo dessa forma, por isso estamos debatendo fortemente junto com o Governo e com o Secretário da Agricultura, para que eles entendam que isso não é uma festa, é uma feira de negócios em que o Estado e a região ganha”, explica o deputado.

Foto: Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Sobre as dificuldades de apoio do Governo Estadual, o secretário-adjunto da Secretaria de Agricultura e Pesca, Ricardo Miotto Ternus destaca que está sendo feita uma avaliação sobre os investimentos em eventos de Santa Catarina. “Estamos fazendo um trabalho de reavaliar os eventos que geram negócios, tributos, receitas e que trazem tecnologia e novidades ao agricultor. Estamos fazendo análises detalhadas de cada evento que temos no Estado, para poder de fato, quando o governo tiver capacidade de investimento, aportar o recurso de maneira precisa naqueles eventos que trazem tecnologia e conhecimento que geram negócios para o setor e para o agricultor do Estado” comenta Ricardo.

Benefícios para Braço do Norte e cidades vizinhas

O prefeito de Braço do Norte destacou a importância da Feagro para o movimento econômico na região Sul. “A Feira fomenta o comércio e a cidade. A rede hoteleira de Braço do Norte e de municípios vizinhos recebe as pessoas que participam do evento. O dinheiro que fica no nosso comércio, com o abastecimento dos veículos nos postos de combustível, com a compra de alimentos nos mercados e isso gira a economia. A Feira movimenta tudo, não somente negócios da agricultura. São dias em que a visitação é de mais de 50 mil pessoas. Já chegou a 60 mil em uma edição e já conseguimos ultrapassar mais de 50 milhões em negócios. São vários os benefícios que a Feagro traz”, analisa o prefeito.

Homenagem

A grande novidade da Feagro 2019 será o “Espaço do Casal Edésio e Celina Oenning”. O estante será uma homenagem ao casal que sempre se dedicou para promover a Feira e que neste ano se aposentou das exposições. Adir apresentou o espaço como um local para Edésio e Celina visitarem a Feira e receberem seus amigos e fazer novas amizades. 

O casal ajudou a consolidar a Feagro ao longo dos anos. Além de expor suas criações, Edésio e Celina cuidavam do bem-estar dos expositores, sempre oferecendo alimentos e um cafezinho bem quente para quem trabalhava durante os cinco dias de evento. Adir conta que Dona Celina trazia suas bolachas caseiras e seus pães para distribuir entre os estandes. Além disso, também trazia algumas vezes ao dia um café quente. Já seu Edésio ajudou a trazer e consolidar a Feira em Braço do Norte. Ele já participava de eventos pelo Estado e viu a necessidade de mostrar a agricultura também da região Sul.

O Espaço do Casal será um dos estandes permanentes da Feira para os próximos anos. Essa foi uma forma da organização de homenagear e agradecer os serviços do casal Oenning.

  • IMG_8449
  • IMG_8480
  • IMG_8481
  • IMG_8528
  • IMG_8508
  • IMG_8498
  • IMG_8511
  • IMG_8512
  • IMG_8503
  • IMG_8525
  • IMG_8543
  • IMG_8527
  • IMG_8496
  • IMG_8451
  • IMG_8491
  • IMG_8471
  • IMG_8459
  • IMG_8458
  • IMG_8447
  • IMG_8463
  • IMG_8550
  • IMG_8530
  • IMG_8556
  • IMG_8538
  • IMG_8559
  • IMG_8545

Notícias Relacionadas

Cidade Mineira celebra Nossa Senhora de Fátima

Programação da festividade terá duração de uma semana.

Shows com Vigário Jack, Candieiro e Concurso de Terno de Reis marcam encerramento do Encantos de Natal em Lauro Müller

A abertura da programação aconteceu no dia 4 de dezembro, quando um grande desfile de Natal levou milhares de pessoas para a região central da cidade.

Comissão organizadora discute medidas de segurança para a Agromel, em Içara

Programação Cultural contempla um mês repleto de atrações para comemorar aniversário de Orleans

Celebrações ocorrem durante o mês de agosto e se estendem até o dia 7 de setembro, valorizando as potencialidades culturais e turísticas da cidade.