Geral

Fotos mostram como ficou Fusca de Jesse e cão Shurastey após acidente nos EUA

Carro dos viajantes bateu de frente com outro veículo no estado do Oregon; eles morreram na hora

Divulgação

Fotos do acidente que matou Jesse Koz e o golden retriever Shurastey mostram a força do impacto e o estrago causado pela batida. Nas imagens é possível ver que o Fusca em que estava a dupla ficou completamente destruído. Tanto o influenciador quanto o cachorro que o acompanhava na viagem pelas Américas morreram na hora.

É quase impossível identificar o Fusca usado pela dupla — apenas um desenho no paralama remete ao carro conduzido por Jesse durante a viagem que partiu de Balneário Camboriú há cinco anos. Após a colisão, o veículo chegou a ficar tombado e as fotos mostram que a batida aconteceu justamente no banco do motorista.

O acidente que matou a dupla aconteceu em uma rodovia na cidade de Grants Pass, no noroeste dos Estados Unidos, que fica a 41 horas de viagem do Alasca. De acordo com o jornal Mail Tribune, Jesse teria desviado do tráfego quando invadiu a contramão e bateu de frente com outro carro.

Ele e o cachorro Shurastey morreram no local do acidente e a rodovia chegou a ficar interditada por cerca de duas horas para o atendimento às vítimas.

Shurastey or Shuraigow?

Jesse Koz, Shurastey e Dodongo, o Fusca dele, chegaram a Nova York no mês passado. O homem saiu de Balneário Camboriú, no Litoral Norte, em 2017, para percorrer as Américas. O objetivo dele era chegar ao Alasca em setembro.

Jesse chamava a atenção por rodar com seu fusca 1978 por diversos países. Tinham sido 16, com uma pausa em 2020 por conta da pandemia do coronavírus. As viagens faziam parte de um projeto chamado “Shurastey or Shuraigow?”, uma adaptação inspirada na música “Should I Stay or Should I Go” (traduzido do inglês Devo Ficar ou Devo Ir), sucesso da banda The Clash.

No Instagram, quase meio milhão de pessoas acompanhavam as aventuras diárias do trio. Agora, a rede social está repleta de mensagens de pesar.

Quem eram Jesse Koz e o cão Shurastey?

Jesse estava insatisfeito com a vida que levava em 2017, quando era vendedor em um shopping e estudante de Educação Física em Balneário Camboriú. Decidiu fazer algo para si mesmo e “chutar o pau da barraca”.

Ou melhor, conseguir uma barraca.

Vendeu o pouco que tinha (um micro-ondas, videogame, televisão e motocicleta), comprou um Fusca 1978, pegou o cachorro de dois anos e meio e caiu no mundo com R$ 10 mil na conta. Confira na reportagem a história completa.

Com informaçõees do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Balneário Rincão ganha rota gastronômica com 26 locais para conhecer

Iniciativa faz parte do Plano Municipal de Turismo e visa transformar a cidade em um destino turístico durante o ano inteiro

Região Sul do país tem melhora nas desigualdades sociais em saúde, diz FioCruz

Mesmo com a “ligeira redução”, como define a FioCruz, 65 dos 84 municípios que estiveram classificados na lista dos mais desiguais da Região Sul no início da pandemia permanecem nessa condição

SC tem aumento de 271% dos casos confirmados de dengue no 1º semestre de 2022

No Estado, 77 pessoas tiveram mortes confirmadas pela dengue neste ano

Criança de 2 anos é atropelada por ônibus em SC

Bombeiros informaram que a menina teve ferimentos graves e foi levada ao hospital; ela sofreu fraturas expostas