Saúde

Governo anuncia realização de 800 cirurgias de catarata em Laguna e cidades do Extremo Sul

Segundo o secretário de saúde Acélio Casagrande, as cirurgias são rápidas e devolvem a visão a essas pessoas que aguardavam algum tempo na fila de espera.

Foto: Carol Nascimento

O mutirão de cirurgias de catarata, que faz parte do Projeto Ver, chegou ao Sul do Estado para atender a população de Laguna e do Extremo-Sul Catarinense. A previsão é de 800 procedimentos que serão realizados no Hospital Regional de Araranguá a partir do dia 26, e no Hospital de Praia Grande, no início de maio.

A autorização para o mutirão de cirurgias foi assinada nessa sexta-feira, 16, pelo secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, que se encontra em Araranguá. “Há 800 pessoas aguardando por cirurgias de catarata, retina e glaucoma. As cirurgias são rápidas e devolvem a visão a essas pessoas que aguardavam algum tempo na fila de espera”, comentou o secretário Casagrande.

Após a cirurgia, o paciente recebe um kit com óculos escuros e colírio. Cada cirurgia tem um custo de R$ 771,60, conforme tabela do SUS, mais R$ 250 de prêmio estipulado pela Comissão Intergestora Bipartite. O valor total do mutirão será custeado com fontes do Ministério da Saúde (MS) e do Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Na primeira quinzena de março, o Projeto Ver esteve em Campo Alegre. Lá foram realizadas 1,7 mil cirurgias de catarata em pacientes da macrorregião do Planalto Norte e parcialmente da macrorregião do Planalto Nordeste. Nas últimas duas semanas de fevereiro, o Hospital de Penha fez 1,4 mil procedimentos, atendendo a população da Foz do Rio Itajaí.

Em 2017, o mutirão de cirurgias de catarata foi realizado na macrorregião do Grande Oeste, Macrorregião do Meio-Oeste, Serra catarinense e parcialmente no Sul do Estado e na Grande Florianópolis. Em novembro, foram feitas 1.197 cirurgias de catarata em São Lourenço do Oeste. Em dezembro, o mutirão chegou a Caçador, Iporã do Oeste e Içara, com a realização de 897, 636 e 400 cirurgias, respectivamente. Outros 300 procedimentos foram feitos em Santo Amaro da Imperatriz, entre dezembro de 2017 e fevereiro deste ano.

Colaboração: Secom SC

Notícias Relacionadas

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Idoso capota carro sobre a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

Motorista de aproximadamente 80 anos estava sozinho quando perdeu o controle do veículo com placas de Braço do Norte.

Em Laguna, governador autoriza emissário terrestre para a praia do Mar Grosso e libera recursos para hospital

A projeção da Casan é que o empreendimento fique pronto em janeiro de 2020. O emissário é uma rede de 2.718 metros de extensão e diâmetro de 315 milímetros, com tubos de polietileno.

PRF prende quadrilha especializada em furto de roupas em shopping centers na região de Tubarão

Os suspeitos confessaram que furtaram as roupas de lojas da região no final de semana e estavam indo vender as roupas em Tubarão.