Saúde

Governo de Lauro Müller cria Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao Covid-19

O grupo se reuniu na manhã desta terça-feira (17) no Hospital Henrique Lage e determinou algumas ações de prevenção para o município.

Divulgação/Lauro Müller

Na manhã desta terça-feira (17), o Governo de Lauro Müller promoveu uma reunião entre os órgãos de saúde, educação e setor administrativo do município para elaborar um plano de prevenção ao novo coronavírus. Na reunião foi criado o Comitê de Prevenção e Enfrentamento do Covid-19 no município, que reúne órgãos da saúde municipal e líderes da comunidade.

O Comitê já definiu algumas ações de prevenção para Lauro Müller, que serão publicadas em Decreto Municipal assinado pelo Prefeito Valdir Fontanella na tarde desta terça-feira (17). A reunião ocorreu no Auditório do Hospital Henrique Lage.

O prefeito Valdir pediu que a população permaneça em casa e se previna da doença. “Iniciamos hoje algo para proteger o povo lauromüllense. Tivemos ontem uma reunião de informação na Amrec e depois uma reunião com alguns médicos na Prefeitura de Criciúma, para podermos orientar a nossa população. É uma epidemia muito forte, como os médicos falaram, jamais vista no mundo. Não temos medicamento, não temos vacinas e segundo os médicos o melhor remédio é ficarmos em casa para não nos contagiarmos com essa peste. Esse vírus se propaga demais, então temos a preocupação de ficarmos em casa. As pessoas, principalmente acima de 50 anos, o melhor caminho é ficar em casa. As crianças e os jovens eles podem se contaminar, mas seu grau de imunidade é alto e podem transmitir o vírus sem saber. Os nossos velhinhos têm menos imunidade e vão ser mais frágeis a esse vírus”, explica o prefeito.

Fontanella ainda pede que a população mantenha a calma diante da doença. “As pessoas não podem criar pânico, mas sim se resguardar nas suas casas. Suspendam as visitas, não recebam e nem vão visitar. Preservem as suas famílias. Caso haja sintomas, estamos criando um Comitê para que eles possam avaliar. Evitem ir nos postos de saúde e no Hospital. Só devem ir ao médico quando é de extrema necessidade, porque assim estamos evitamos a contaminação com o vírus”, comenta.

Divulgação/Lauro Müller

Secretaria recomenda não procurar as Unidades de Saúde e o Hospital

A secretaria de saúde de Lauro Müller, Carla Zabotti Dias, orienta a população sobre como procurar ajuda. “Pedimos para a população não procurar as unidades de saúde e não procurar o hospital. A partir desta tarde estamos montando um Centro de Triagem, onde vamos comunicar um telefone para responder qualquer dúvida da população. Os profissionais vão orientar onde as pessoas podem ir”, explica Carla.

Segundo a secretária, as pessoas que tiverem os sintomas do Coronavírus e suspeitarem da doença, devem ficar em casa e entrar em contato pelo telefone da Secretaria de Saúde. A partir disso, os profissionais da saúde irão orientar a população se devem procurar o Centro de Triagem ou permanecer em casa. O Centro de Triagem será na Igreja Católica de Lauro Müller. “Ficou definido que será na igreja católica do município. Não sabemos ainda se vai ser no salão ou no centro das catequeses”, explica Carla.

O município também disponibilizará um fluxograma de atendimento para a população.

Aulas e atividades em grupos são suspensas

Carla falou sobre algumas atividades suspensas no município. “Os prefeitos dos 12 municípios, junto com os secretários da saúde, se reuniram nesta segunda-feira em Criciúma. Foi definido várias ações que vamos realizar em toda a região da Amrec. Tudo será definido de forma regional. Ficou definido que a partir de quinta-feira (19) as aulas estão suspensas, todos os grupos terapêuticos da Secretárias da Saúde e as atividades do Caps também estão suspensas, porque temos que evitar o aglomero da população”, detalha a secretária.

Município está com quatro casos suspeitos de Covid-19

A coordenadora da Vigilância em Saúde de Lauro Müller, Liliane Antunes, confirmou quatro casos suspeitos do novo coronavírus no município. “Tem quatro casos suspeitos no município. Já foram realizadas as coletas, mas não temos os resultados desses pacientes ainda. Eles estão em isolamento domiciliar, então todas as medidas cabíveis a eles já foram tomadas e estamos encaminhando os exames para o Lacen. Vamos aguardar o resultado”, explica a coordenadora.

Segundo Liliane, o caso suspeito é de uma pessoa que viajou para o exterior. “Foi uma pessoa que foi para o exterior, veio de viagem e teve contato com outras pessoas dentro do próprio domicílio. Então foi monitorado, avaliado os sintomas e realizado a coleta, que é essa a indicação hoje do Ministério”, detalha.

Divulgação/Prefeitura de Lauro Müller

A coordenadora também explicou que muitas pessoas procuram os órgãos de saúde, mas não se enquadram com os sintomas de infecção do novo coronavírus. “Porém tem outras pessoas procurando atendimento e alguns médicos solicitando a coleta do exame, mas eles não se enquadram no protocolo para estar como casos suspeitos. Estamos avaliando cada caso para realizar o atendimento e realizar as coletas e informar se é suspeito ou não”, comenta Liliane.

É importante ressaltar que os órgãos de saúde utilizam protocolos para identificar os casos suspeitos e então realizar os exames. Não são todos os casos em que o paciente tem risco de ter sido infectado. “Tem que entrar nos critérios do protocolo do Ministério da Saúde e do Estado. Se entrar nos critérios de vir de viagem do exterior ou que teve contato com quem veio de viagem e esteja com sintomas, avaliamos e realizamos a coleta. Se não tiver os sintomas, orientamos que a pessoa fique em casa que observaremos o caso e fizemos a avaliação. Pedimos que não procure atendimento nas unidades de saúde e no hospital se não tiver os sintomas e o contato com pessoas que vieram do exterior. Só procure atendimento se for doenças mais graves”, ressalta.

A orientação para os lauromüllenses é que tirem as dúvidas pelo telefone da secretaria da saúde no número (48) 34643144. As pessoas não devem se deslocar até as unidades de saúde e hospital sem a orientação da Secretaria de Saúde.

Hospital Henrique Lage proíbe visitas aos pacientes internados

O diretor da Fundação Hospitalar Henrique Lage, Cleir Estevam, falou sobre as ações preventivas da instituição. “Tomamos a medida de proibir as visitas aos pacientes internos, restrito apenas para os acompanhantes. Estamos prevenindo, as vezes os familiares podem não entender, mas são medidas necessárias para prevenir a propagação, tanto de transmitir o vírus para quem está internado ou vice e versa. Os funcionários de higienização estão triplicando os cuidados, passando o álcool em gel nas maçanetas, balcões e onde os pacientes estão transitando. Pedimos que realmente evitem de vir para o hospital. Vir apenas quando realmente estiver com o caso grave, com febre, tosse e problemas de falta de ar. Quem estiver com sintomas suspeitos ou gripe pode ligar para as unidades de saúde ou a secretaria de saúde que eles irão dar o encaminhamento correto”, explica o diretor.

Divulgação/Lauro Müller

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Governo do Estado estabelece novas medidas para o transporte aquaviário e comércio de refeições nas rodovias

A comercialização de refeições pode ser feita por restaurantes localizados às margens das estradas e oferecida exclusivamente para profissionais de serviços considerados essenciais pelo Governo do Estado, incluindo nesta categoria os transportadores de carga responsáveis pelo abastecimento e transbordo de insumos da saúde.

STF autoriza SC a utilizar recursos do pagamento da dívida com a União no enfrentamento da Covid-19

O pedido foi protocolado pela Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE) para garantir que a União deixe de aplicar qualquer tipo de penalidade ao estado em razão da suspensão dos pagamentos.

Voos de drones, para captar informações geográficas de Lauro Müller, começam na próxima semana

Trabalho de coleta de informações é parte do Projeto de Gestão Territorial desenvolvido pela Unesc para o município.

Braço do Norte unifica as medidas para combate ao Covid-19, seguindo na íntegra as determinações do Governo Estadual

A iniciativa visa facilitar a vida dos cidadãos braçonortenses, uma vez que estavam vigentes no Município medidas mais restritivas em comparação com as editadas pelo Governo do Estado.