Geral

Governo de SC sanciona reajuste do salário mínimo regional

Novos valores vão de R$ 1.158 a R$ 1.325 e são retroativos a 1º de janeiro deste ano.

Foto: Divulgação

O governador Carlos Moisés (PSL) sancionou nesta sexta-feira (5) o reajuste médio de 4,29% no salário mínimo regional do estado, retroativo a 1º de janeiro de 2019, informou o estado. Dessa forma, os valores para as quatro faixas passam a ser: R$ 1.158, R$ 1.201, R$ 1.267 e R$ 1.325.

A Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) aprovou o projeto do Poder Executivo com os novos valores na quarta-feira (3).

A proposta tinha sido enviada em 27 de março na forma de Projeto de Lei Complementar, mais de um mês depois de sindicatos e federações empresariais catarinenses terem assinado acordo para o reajuste médio.

As categorias de cada faixa são:

Primeira faixa – R$ 1.158

Trabalhadores: na agricultura e na pecuária, indústrias extrativas e beneficiamento, empresas de pesca e aquicultura, empregados domésticos, turismo e hospitalidade, indústrias da construção civil, indústrias de instrumentos musicais e brinquedos, estabelecimentos hípicos e empregados motociclistas, motoboys e do transporte em geral, com exceção dos motoristas.

Segunda faixa – R$ 1.201

Trabalhadores: nas indústrias do vestuário e calçado, fiação e tecelagem, artefatos de couro, papel, papelão e cortiça; em empresas distribuidoras e vendedoras de jornais e revistas e empregados em bancas, vendedores ambulantes de jornais e revistas; empregados da administração das empresas donas de jornais e revistas, empresas de comunicações e telemarketing e indústrias do mobiliário.

Terceira faixa – R$ 1.267

Trabalhadores: nas indústrias químicas e farmacêuticas, cinematográficas, da alimentação, empregados no comércio em geral e empregados de agentes autônomos do comércio.

Quarta faixa – 1.325

Trabalhadores: nas indústrias metalúrgicas, mecânicas e de material elétrico, indústrias gráficas, de vidros, cristais, espelhos, cerâmica de louça e porcelana, de artefatos de borracha, em empresas de seguros privados e capitalização e de agentes autônomos de seguros privados e de crédito, em edifícios e condomínios residenciais, comerciais e similares, em turismo e hospitalidade, nas indústrias de joalheria e lapidação de pedras preciosas, auxiliares em administração escolar (empregados de estabelecimentos de ensino); empregados em estabelecimento de cultura, processamento de dados, motoristas do transporte em geral e estabelecimentos de serviços de saúde.

Com informações do site G1/SC

Notícias Relacionadas

Massa de ar frio avança e mínima pode ficar abaixo de 5°C durante a noite desta quarta-feira em SC

O dia começa com tempo instável, mas a chuva fica mais reservada durante a manhã e início da tarde.

Marido morre em acidente de carro três dias após suspeita de matar mulher a tiros em SC

Colisão contra caminhão ocorreu nesta segunda na BR-116. Mulher foi encontrada morta na sexta, atingida por três disparos na cabeça.

Polícia prende em SC quadrilha que fazia documentos falsos para foragidos da Justiça

Com novas identidades, criminosos conseguiam viver normalmente em Sombrio.

Preso, ex-deputado federal de SC tem auxílio-combustível suspenso pelo governo do estado

João Pizzolatti está no Presídio Regional de Blumenau. Ele é réu por tentativa de homicídio referente a um acidente de trânsito.