Geral

Governo do Estado dá início ao pagamento de desapropriações que estavam pendentes

Os pagamentos são referentes às obras já terminadas e em andamento.

Divulgação

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) deu início aos pagamentos de desapropriações pendentes. Os pagamentos são referentes às obras já terminadas e em andamento.

De acordo com o assessor de desapropriação da SIE, Luiz Gonzaga, os débitos foram recebidos de gestões anteriores e agora estão sendo quitados pelo Estado “No total serão pagos mais de R$ 27 milhões em 15 trechos em todas as regiões”, explicou.

Os primeiros trechos que receberam o pagamento foram: Contorno de Capinzal, pavimentação da SC-467, entre Jaborá e Ouro, pavimentação da SC-120, entre Curitibanos e a BR-282 e a pavimentação da rodovia SC- 477, no município de Doutor Pedrinho.

O secretário da Infraestrutura, Thiago Vieira, destaca que o pagamento dos passivos só foi possível após a criação da Assessoria de Desapropriação da SIE. “O primeiro passo foi a organização dos processos para posteriormente darmos início aos pagamentos que estavam em aberto. Estamos quitando todas as pendências e trazendo mais agilidade e eficiência nos serviços”, concluiu.

Notícias Relacionadas

Pesquisa aponta aumento de casos de covid em 1.217 cidades esta semana

O número corresponde a 33,9% das 3.591 prefeituras ouvidas

Governo de SC vai prorrogar estado de calamidade pública até 30 de setembro

Com a medida, o Estado fica desobrigado de cumprir algumas metas fiscais, o que facilita o combate ao vírus

Santa Catarina avança na certificação de propriedades livres de brucelose e tuberculose

A intenção da Secretaria da Agricultura é ampliar o número de certificações, para que esse seja mais um diferencial competitivo do agronegócio catarinense

Governo do Estado abre licitação para elaboração de estudo para criação de rodovia alternativa à BR-101 Norte

A empresa que for selecionada na licitação terá seis meses para executar um estudo identificando onde poderá passar essa nova rodovia