Educação

Governo do Estado investe R$ 39,6 milhões em kits escolares para estudantes da rede estadual

Para alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental, foram adquiridos 186,4 mil kits

Divulgação

A Secretaria de Estado da Educação (SED) está concluindo a entrega de todos os kits escolares adquiridos para o ano letivo de 2021 para estudantes do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação para Jovens e Adultos (EJA). O Governo do Estado investiu R$ 39,6 milhões na aquisição dos kits, que são compostos por materiais para auxiliar os alunos nas atividades escolares.

“A distribuição do kit escolar incentiva os nossos alunos, contribui ainda mais para o aprendizado e ajuda com a economia das famílias”, disse o governador Carlos Moisés.

Para alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental, foram adquiridos 186,4 mil kits, que incluem cadernos, apontadores, borrachas, canetas, lápis de cor, canetinhas hidrográficas, tesoura, cola, calculadora e um material dourado, utilizado em exercícios práticos de matemática. O custo total destes materiais foi de R$ 13,2 milhões.

Os estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental, por sua vez, receberam 157,4 mil kits com apontador, borracha, cadernos de 200 folhas, calculadora, canetas, cola branca, esquadros, lápis de cor, régua e transferidor. Estes materiais custaram R$ 6,5 milhões ao todo.

Outros 139 mil kits foram disponibilizados aos estudantes do Ensino Médio e EJA ao custo de R$ 6,8 milhões. Cada conjunto inclui cadernos, calculadora, canetas, lapiseira e régua.

“Esses materiais escolares são importantes para que os nossos estudantes tenham todos os recursos necessários para se dedicar aos estudos. É um investimento relevante do Governo do Estado, ainda mais com essa compra adicional que fizemos para reforçar os kits escolares com milhões de materiais complementares, de cadernos a compassos”, reforça o secretário de Estado da Educação, Luiz Fernando Vampiro.

O valor investido pela SED inclui R$ 26,5 milhões pela adesão à Ata de Registro de Preço do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que garantiu a compra de 483 mil kits, e uma compra adicional de R$ 13,1 milhões em materiais para complementar os conjuntos entregues aos estudantes.

Na compra de materiais complementares, a SED adquiriu 553 mil apontadores, mais de um milhão de borrachas, 231 mil cadernos de desenho, 653 mil cadernos de brochura, 1,4 milhão de cadernos de outros modelos, 922 mil canetas, 163 mil conjuntos de caneta hidrocor, 421,8 mil tubos de cola branca, 262,6 mil compassos, 525 mil esquadros, 738,5 mil conjuntos de lápis de cor, 1,3 milhão de lápis grafite preto e 538,5 mil pacotes de papel A4.

Notícias Relacionadas

Pesquisa aponta aumento de casos de covid em 1.217 cidades esta semana

O número corresponde a 33,9% das 3.591 prefeituras ouvidas

Governo de SC vai prorrogar estado de calamidade pública até 30 de setembro

Com a medida, o Estado fica desobrigado de cumprir algumas metas fiscais, o que facilita o combate ao vírus

Santa Catarina avança na certificação de propriedades livres de brucelose e tuberculose

A intenção da Secretaria da Agricultura é ampliar o número de certificações, para que esse seja mais um diferencial competitivo do agronegócio catarinense

Governo do Estado abre licitação para elaboração de estudo para criação de rodovia alternativa à BR-101 Norte

A empresa que for selecionada na licitação terá seis meses para executar um estudo identificando onde poderá passar essa nova rodovia