Segurança

Homem comete assassinato em SC, grava cena e é preso

Segundo o relatório da PM, o suspeito invadiu a residência alugada pela mulher e a esfaqueou até a morte

Foto: PM/Divulgação

Em Guaramirim, no Norte de Santa Catarina, uma tragédia chocante ocorreu na madrugada de sexta-feira (24). Juliana Grasiela Pinheiro Wirth, de 40 anos, foi brutalmente assassinada enquanto dormia ao lado de seu filho de 2 anos, que tem necessidades especiais. O suspeito do crime é o companheiro da proprietária do imóvel onde Juliana residia como inquilina. Após cometer o crime, ele filmou a cena e foi preso em flagrante pela Polícia Militar.

A ex-companheira do suspeito está em liberdade, mas também é investigada. A criança foi encaminhada ao Conselho Tutelar.

A delegada Roberta Franco França informou que o suspeito teve a prisão preventiva decretada. Embora ele tenha confessado o crime inicialmente à PM, negou envolvimento durante o interrogatório na delegacia, alegando que sua ex-companheira teria cometido o homicídio e que ele apenas filmou a vítima.

Juliana foi descrita por uma amiga como uma “ótima mãe” e “guerreira”, alguém que nunca fez mal a ninguém. Sua morte deixou a comunidade em choque e luto.

Segundo o relatório da PM, o suspeito invadiu a residência alugada por Juliana e a esfaqueou até a morte. Ele então confessou o crime à sua companheira, enviando um vídeo do corpo para convencê-la da veracidade do ato. Ao ver as imagens, a mulher passou mal e precisou de atendimento médico, momento em que a polícia foi acionada.

A delegada mencionou que a motivação do homicídio foi uma denúncia feita contra o suspeito e sua ex-companheira, que inicialmente acreditavam que Juliana tivesse feito a denúncia. No entanto, a delegada confirmou que Juliana não foi a responsável pela acusação.

Notícias Relacionadas

SC em alerta: semana deve começar com chuva intensa e volumosa no Estado

São esperados volumes entre 100 a 130 mm no Oeste Catarinense, mas pode ultrapassar a marca de 150 mm de chuva em algumas localidades do Estado. Instabilidade deve permanecer ao longo da semana

Mulher é morta a facadas pelo namorado após discussão por ciúmes em Criciúma

Namorado confessou ter usado uma faca de cozinha para matar a vítima em Criciúma

Tigre entra em campo pressionado neste domingo

Pescadores capturam mais de 780 mil tainhas na modalidade arrasto de praia