Geral

Homem é condenado a 12 anos de prisão por homicídio qualificado em Criciúma

O homem foi condenado a 12 anos de reclusão, em regime inicial fechado

Divulgação

Um homem acusado de homicídio duplamente qualificado foi condenado, em Sessão do Tribunal do Júri na comarca de Criciúma promovida na última quinta-feira (12/11), a 12 anos de reclusão. Segundo a denúncia, o réu teria participado do crime em que um corréu atirou contra um desafeto, mas acabou vitimando outro homem. O crime, supostamente motivado por conflitos referentes ao tráfico de drogas, aconteceu em dezembro de 2015, quando a vítima foi morta a tiros em frente a um clube no bairro Próspera, em Criciúma.

Na sessão presidida pelo juiz titular da 1ª Vara Criminal da comarca de Criciúma, Júlio César Bernandes, o Conselho de Sentença reconheceu que o crime de homicídio foi praticado por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima​. O homem foi condenado a 12 anos de reclusão, em regime inicial fechado, e teve negado o direito de recorrer em liberdade. Cabe recurso da decisão ao TJSC. (Ação Penal 0000759-31.2018.8.24.0020)

Notícias Relacionadas

Em sessão extraordinária, vereadores de Lauro Müller rejeitam Projeto de Lei Ordinária n° 42/2020

A reunião extraordinária desta sexta-feira (27), iniciou as 18h sob presidência do Vereador Manoel Leandro Filho, obedecendo todas as normas de prevenção a contaminação de Covid-19.

Brasil segue em 3º no ranking da Fifa

Com o 100% nas eliminatórias, seleção de Tite diminui a distância para a França

Içara abre segundo Centro de Triagem a partir de segunda-feira (30)

Atendimentos acontecerão na sede do departamento de Fomento a Atividades Inclusivas (FAI)

Suspeito de ser autor de assaltos e tentativa de estupro é preso em Imbituba

Em um dos assaltos, o homem coagiu uma mulher e tentou estuprá-la