Geral

Homem é condenado a 32 anos de prisão por tentativa e feminicídio consumado em Içara

Segundo a denúncia, o crime aconteceu em abril de 2019, no bairro Jardim Elizabete

Divulgação

Um homem de 37 anos foi condenado por homicídio qualificado e tentativa de homicídio qualificado a 32 anos de reclusão, em sessão do Tribunal do Júri promovida na comarca de Içara na última quinta-feira (19). Segundo a denúncia, o crime aconteceu em abril de 2019, no bairro Jardim Elizabete, na cidade-sede da comarca, quando o homem tentou matar sua companheira a facadas, mas foi impedido pela enteada.

A jovem teria impedido a ação do acusado, colocou-se na frente da mãe, foi atingida por diversos golpes de faca e faleceu seis dias
após o crime. O réu foi condenado a 32 anos, um mês e 23 dias de reclusão, em regime inicial fechado, pelos crimes de feminicídio e tentativa de feminicídio. O Conselho de Sentença também reconheceu a causa de aumento da pena, pelo crime ter sido praticado na presença de ascendente e descendente das vítimas. Cabe recurso ao Tribunal de Justiça. (Ação Penal 0000873-09.2019.8.24.0028)

Notícias Relacionadas

Içara: Mais duas mortes por Covid-19 registradas

Óbitos são de dois homens com idades de 66 e 73 anos

Justiça garante bolsa de estudos para acadêmica de Direito concluir sua graduação

Uma acadêmica de Direito vai poder valer-se de bolsa de estudo anteriormente deferida para completar seu curso superior em universidade privada do sul do Estado, mesmo após exceder o período regular para obtenção do diploma.

Detran-SC informa prazos para renovação de CNH e documentação de veículos

O Detran estendeu o prazo para os processos veiculares como transferência, registro e licenciamento de veículo.

Temporal provoca alagamentos e falta de energia no Vale do Itajaí

Cerca de 241 mil unidades consumidoras foram prejudicadas