Segurança

Homem é executado com tiro na cabeça em Balneário Arroio do Silva

O corpo do homem foi encontrado pela irmã e pelo cunhado por volta das 19h de hoje (6)

Divulgação

O primeiro homicídio deste ano em Balneário Arroio do Silva foi registrado neste sábado (6). Um homem de 41 anos foi executado com um tiro na cabeça dentro da casa onde morava na Rua Manoel Quintiliano da Silva, no Loteamento Mangueirinha.

O corpo do homem foi encontrado pela irmã e pelo cunhado por volta das 19h de hoje (6). Ele foi visto pela última vez com vida, por volta das 11h deste sábado.

No início desta noite os familiares, que moram próximos, foram até sua residência, encontrando a porta aberta. Como estava escuro, foi ligado o interruptor e localizado o corpo caído na cozinha.

Os familiares entraram em desespero e acionaram a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. Os socorristas contataram o óbito e a PM isolou a área até a chegada da Polícia Civil, Instituto Geral de Perícias (IGP) e Instituto Médico Legal (IML).

Agentes da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Araranguá foram acompanhados do delegado Thiago Reis, que está respondendo pela DPMU do Arroio do Silva e que está de plantão, iniciando os trabalhos de investigação para apontar motivação e autoria da execução.

Pelo estado do corpo, a polícia acredita que o crime tenha sido praticado no início desta tarde, contudo, nenhum vizinho ouviu ou viu algo. Pela cena do crime, não houve luta, pois a casa estava organizada e possivelmente a vítima tenha sido pega de surpresa ou conhecia o executor.

Com informações do Portal Agora

Notícias Relacionadas

Falha de comunicação com mecânico faz sumiço de carro virar caso de polícia em SC

Falha foi descoberta quando morador chamou a PM para verificar um carro suspostamente abandonado

Marido é preso quatro dias após matar a esposa dentro de carro em SC

Deniza foi assassinada na frente da própria mãe na madrugada do último domingo (28)

Dose de reforço contra Covid: quem pode receber a vacina e qual o imunizante?

Segundo o Ministério da Saúde, uso de imunizantes diferentes aumenta a imunidade dos vacinados

Policiais civis terão que fazer exames toxicológicos no começo da carreira em SC

Concursados deverão se submeter aos testes durante os três anos do estágio probatório