Segurança

Homem que matou colega em clínica de reabilitação tem prisão preventiva decretada

Foto: Divulgação

Apontado como autor de um homicídio, em Araranguá, um homem, de 32 anos, teve a prisão preventiva decretada após audiência de custódia. Ele estava em uma clínica de reabilitação quando agrediu outro interno, de 26 anos.

Os golpes, em maioria aplicados contra a cabeça da vítima, foram suficientes para deixar a vítima desacordada e posteriormente sem vida. Após o crime, o autor da agressão fugiu, mas foi abordado em seguida pela Polícia Militar.

Na audiência, o homicida alegou estar em tratamento em razão de dependência química e tomar medicamentos em virtude de problemas cardíacos. Por isso, antes da prisão, a Justiça determinou que o homem fosse encaminhado para o setor de saúde do sistema prisional para o que tratamento não fosse prejudicado.

Com informações do Portal DN Sul

Notícias Relacionadas

Sentença de pronúncia levará para júri casal acusado por homicídio cometido com espada em Orleans

Segundo os autos, os crimes aconteceram em março deste ano, no bairro Rio das Furnas

DIC de Criciúma apreende 1,5 kg de maconha e munição de calibre restrito

Revólver, munições e droga são encontrados durante blitz realizada pela PMRv de Içara

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio