Saúde

HSJosé recebe reconhecimento de Excelência no atendimento em Saúde

A entidade está entre as quatro instituições de saúde do Estado com esta certificação de qualidade em nível máximo.

Divulgação

Fazer o melhor para os pacientes. Esta sempre foi uma missão para os colaboradores, médicos e direção do Hospital São José de Criciúma. A busca incessante por oferecer atendimento humanizado e de qualidade, é uma das premissas da entidade.

O Hospital São José de Criciúma, administrado pelas Irmãs Escolares de Nossa Senhora – IENS, com apoio de seus 1700 colaboradores, 350 médicos, 45 médicos residentes; conquistou o nível Máximo/Excelência, no que diz respeito a promoção a qualidade e segurança da assistência no setor da saúde, pela Organização Nacional de Acreditação -ONA. Isso significa que a Instituição possui e atende à requisitos de padrão nacional, com reconhecimento internacional.

“Receber o título de Hospital Acreditado com excelência é simplesmente entender que fazemos aqui um trabalho de qualidade, pensando sempre, em todo momento em nossos pacientes. Nosso motivo de existir são os pacientes e por isso trabalhamos arduamente 24h todos os dias, para oferecer o melhor para as pessoas que nos procuram. Temos falhas, claro que sim; o ser humano é falho, mas a luta por fazer o melhor está pulsante em nossos corações e atitudes. E é este o resultado: Qualificação de excelência no atendimento em saúde. Nosso agradecimento aos colaboradores e médicos que se dedicam diariamente e se empenharam para que isso acontecesse. Isso é fruto de um trabalho conjunto, de esforços compartilhados”, aponta Irmã Isolene Lofi, diretora geral do HSJosé.

Dedicação de todas as áreas

O resultado de um reconhecimento como este, só poderia ter sido alcançado com o envolvimento e dedicação de pessoas no processo; e que acreditam no próprio potencial.

O Hospital já havia sido certificado nos níveis 1 e 2 nos últimos quatro anos, e agora, recebe a certificação Máxima de Acreditação, o nível 3, Acreditado com Excelência.

“A Acreditação nos mostrou que estamos no caminho certo; na busca diária por uma assistência segura aos nossos pacientes, permitindo vê-los recuperados ou habilitados da doença com qualidade em cada cuidado prestado”, comenta Cláudia Dozol, Coordenadora das Unidades de Internação SUS do HSJosé.

Referência

Hoje a Instituição conta com mais de 1700 profissionais ativos e 350 médicos assistenciais. O HSJosé é uma Instituição privada de caráter filantrópico e uma das principais entidades hospitalares de atuação terciária em Criciúma, servindo as regiões da AMREC e AMESC; sendo referência para atendimento há mais de 990 mil pessoas; e possui atualmente 338 leitos disponíveis para atendimento dos pacientes; entre leitos de UTI e internações clínicas.

Em 2021, o hospital estará completando 85 anos de prestação de serviço para sociedade, e neste ano comemorativo, receber este reconhecimento significa e muito para todos que representam a entidade, que é referência em atendimento de Alta Complexidade para toda região. O HSJosé é o segundo hospital privado filantrópico no Estado, a ser reconhecido neste nível de excelência.

Ao todo em Santa Catariana, 11 hospitais são acreditados em níveis 1 a 3 (5% dos hospitais do Estado). De acordo com dados da ONA, no Brasil, 170 hospitais possuem o reconhecimento “Acreditado com Excelência”, isso significa que apenas 2,54% dos hospitais no país possuem esta certificação.

“O processo de acreditação surge do desejo voluntário da organização em entender como está seu nível de qualidade e segurança. A aspiração nasce com a intenção de que um órgão externo possa avaliar seus planos e práticas e assim sinalizar o grau de desenvolvimento e maturidade rumo a excelência. O método é periódico, educativo, e, com base em padrões definidos, requer que a instituição apresente sua gestão, seus processos de assistência ao paciente, serviços de diagnóstico e terapêutica e gestão de apoio. Buscar esse tipo de reconhecimento demonstra comprometimento, refinamento da gestão e assistência cada vez mais qualificada e segura”, finaliza a gerente de qualidade do HSJosé Márcia Campos.

Notícias Relacionadas

Milagre: mulher que deu à luz durante internação por covid-19 recebe alta

A tubaronense Raquel de Medeiros Francisco, foi internada no último dia 21 e dois dias após a internação precisou ser intubada.

Vendas do Dia das Mães superam as expectativas no comércio de Tubarão

A edição do Recicla CDL deste sábado também foi um sucesso.

Moisés reúne secretarias para acelerar entregas do Governo do Estado

Reunião foi de alinhamento entre governador e secretários.

Covid-19: Criciúma registra mais quatro óbitos e totaliza 449

Idade das vítimas vai dos 28 aos 64 anos.