Geral

IBGE abre vagas em SC para contratar trabalhadores temporários para o Censo 2020

No estado, são 7,7 mil oportunidades para recenseador e agente censitário em todos os municípios.

Divulgação

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está com vagas abertas para contratar temporários que vão trabalhar no Censo Demográfico de 2020. São dois editais para 208 mil vagas temporárias em todo país. Em Santa Catarina, são 7,7 mil oportunidades para agente censitário municipal, agente censitário supervisor e recenseador.

As inscrições para o concurso começaram nesta quinta-feira (5) e vão até o dia 24 de março, e podem ser feitas somente pela internet. A taxa de inscrição para as funções de nível médio é de R$ 35,80, e o edital pode ser conferido neste link. Para quem se inscrever ao cargo que exige ensino fundamental completo, a taxa é de R$ 23,61, e o edital pode ser visto aqui.

As provas estão marcadas para o dia 17 de maio para as vagas de agente censitário municipal e supervisor, e para 24 de maio para recenseador.

O Censo 2020 vai retratar as mudanças no Brasil nos últimos 10 anos, avaliando aspectos como educação, religião, saúde, trabalho e número de habitantes. Conforme o último levantamento, em 2010, por exemplo, Florianópolis tinha pouco mais de 420 mil habitantes. A estimativa é que agora esse número ultrapasse meio milhão de habitantes.

Entre agosto e outubro os recenseadores devem bater de casa em casa. A pesquisa vai visitar mais de 70 milhões de lares no país, sendo dois milhões em Santa Catarina.

O questionário básico para todos os brasileiros tem 25 questões, nove a menos do que no último Censo. O pesquisa por amostra é aplicada em 10% das famílias e é bem mais detalhado, tem 76 questões.

“O nosso recenseador chega no domicílio, e às vezes a pessoa está com pressa, não quer atendê-lo. Então às vezes ele acha que 10 minutos é muito tempo, mas é importante que esses dez minutos que ele vai despender vão ser a base para o planejamento dos governantes para os próximos 10 anos. Olhando sob essa perspectiva, esses 10 minutos são realmente um bom investimento”, disse Roberto Kern Gomes, chefe do IBGE Florianópolis.

Escolaridade e salários

O cargo de recenseador exige ensino fundamental completo, e os de agente agente censitário municipal e agente censitário supervisor, ensino médio completo.

As remunerações por cada cargo são:

  • Recenseador: será por produção. O candidato poderá simular valores de remuneração por meio do site da Cebraspe, organizadora da prova. A jornada de trabalho recomendável é de, no mínimo, 25 horas semanais, além da participação integral e obrigatória no treinamento.
  • Agente censitário municipal: R$ 2.100 para 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias.
  • Agente censitário supervisor: R$ 1.700 para 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias.

Com informações do site G1/SC

Notícias Relacionadas

Royalties do petróleo: STF reconhece que IBGE usou critérios ilegais para traçar a projeção marítima da costa de SC

Desde a década de 1990, diferentes procuradores do Estado atuaram no processo, além de servidores da própria PGE e de outros órgãos públicos estaduais, o que evidencia um trabalho coletivo que vai beneficiar todos os catarinenses.

IBGE inicia a Pesquisa de Orçamentos Familiares 2017/2018 na região

A POF é o levantamento mais detalhado sobre os padrões de consumo dos brasileiros. Baseado nessa pesquisa, o IBGE atualiza a cesta de itens do Índice de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA.

Santa Catarina registra dois novos casos de coronavírus e divulga plano de contingência para enfrentar a doença

Governo do Estado amplia em quase 70% os investimentos e aplica R$ 18,8 milhões em conservação de rodovias em 2020

O repasse para conservação das SCs teve um salto de 69,4% no primeiro semestre de 2020, se comparado ao mesmo período do ano passado.