Geral

Imbituba volta às aulas em duas semanas

Os pais e responsáveis poderão optar pelo ensino remoto ou presencial.

Divulgação

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (SEDUCE) informa que o ano letivo iniciará no dia 1º de março. As escolas estão sendo preparadas para receber os alunos, seguindo as orientações dos Planos de Contingência (PLANCON). Logo na chegada à instituição de ensino, os estudantes terão a temperatura aferida e serão orientados quanto a higienização, uso de máscara, bem como, ao distanciamento obrigatório.

Seguindo as medidas sanitárias do PLANCON, nas salas de aula, quando não for possível garantir o distanciamento de um metro e meio entre os alunos, haverá a divisão da turma em dois grupos, com revezamento semanal.

Os pais e responsáveis poderão optar pelo ensino remoto ou presencial. No caso do ensino remoto, o atendimento do estudante será realizado por professores pertencentes ao grupo de risco, pois, estes, não poderão atender presencialmente. Outros profissionais poderão ser contratados para essas turmas, de acordo com a demanda.

Quanto ao transporte escolar, para atender as medidas sanitárias, a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte orienta que, os pais que possuam veículo particular ou morem próximos das escolas, que optem por não utilizar os ônibus do município. No transporte escolar, haverá um monitor aferindo a temperatura e orientando sobre a higienização e o distanciamento no veículo.

A SEDUCE está realizando as chamadas de estagiários, monitores e professores, de acordo com a demanda necessária. Os profissionais da educação estão realizando o estudo do PLANCON (Plano de Contingência), planejamento, formação e organização do espaço escolar para essa nova realidade. Além disso, estão sendo distribuídos os insumos necessários para o início do ano letivo, com base nas solicitações das unidades escolares.

Notícias Relacionadas

Praias estão fechadas durante este fim de semana em Imbituba

Em Imbituba, as praias terão faixas de proibição e fiscalização para que as pessoas não tenham acesso ao local.

Loja da Havan é interditada no Centro de Florianópolis por descumprir restrições

Estabelecimento, apesar de vender alimentos, não é configurado como serviço essencial, diz fiscalização

São Ludgero registra décima segunda morte por Covid-19

Trata-se de uma vítima do sexo masculino, 76 anos, com comodidades

Fiscalização de estabelecimentos comerciais é realizada em Lauro Müller para conter o Covid-19

Vigilância Sanitária e Polícia Militar estão dedicados a fiscalização e pedem que a população fique em casa e se cuide