Geral

Inflação para famílias com renda mais baixa fica em 0,49% em fevereiro

Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o indicador acumula taxas de 1,1% no ano e 4,81% nos últimos 12 meses.

Foto: Divulgação

O Índice de Preços ao Consumidor – Classe 1 (IPC-C1), que calcula a variação dos valores cobrados pela cesta de compras de famílias com renda até 2,5 salários mínimos, registrou inflação de 0,49% em fevereiro, abaixo do 0,61% de janeiro. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o indicador acumula taxas de 1,1% no ano e 4,81% nos últimos 12 meses.

Apesar da queda em relação a fevereiro, o IPC-C1 teve taxa mais alta do que a registrada pelo Índice de Preços ao Consumidor – Brasil (IPC-BR), que calcula a inflação para todas as faixas de renda e que, em fevereiro, registrou índices de 0,35% no mês e de 4,38% no acumulado de 12 meses.

De janeiro para fevereiro, o IPC-C1 teve queda nas taxas de quatro das oito classes de despesa pesquisadas: habitação (de 0,19% em janeiro para 0,4% em fevereiro), saúde e cuidados pessoais (de -0,02% para 0,50%), alimentação (de 0,84% para 0,97%) e vestuário (de -0,56% para -0,04%).

Por outro lado, houve queda nas seguintes classes de despesa: transportes (de 1,84% para 0,22%), educação, leitura e recreação (de 2% para -0,24%), despesas diversas (de 0,27% para 0,08%) e comunicação (de 0,01% para -0,05%).

Com informações do site Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Com Selic em queda, poupança pode passar a render menos que a inflação

Isso pode acontecer porque os rendimentos da poupança são 70% da Selic, mais a Taxa Referencial (TR), que está zerada.

Ação Criança de Natal supera expectativas e recebe mais de 2 mil pessoas em Orleans; Veja Vídeo

Das 9h às 12h, a diversão ficou garantida, finalizando com a chegada do Papai Noel e a tradicional distribuição de bolas lançadas do alto de um guindaste.

Creas de Criciúma garante direitos e trabalha função protetiva das famílias

Por mês, quase 200 casos são atendidos. Unidade fica localizada na rua São José, na antiga prefeitura

Doações da campanha #somostodosLívia ajudam outras famílias

Após o falecimento da menina, seus pais doaram os valores arrecadados para o tratamento de outras crianças