Segurança

Inquérito de estupro de menina de 4 anos, em Imbituba, está em fase final

Inquérito de estupro de menina de 4 anos, em Imbituba, está em fase final

Foto: Divulgação / Portal Notisul

O inquérito sobre o possível estupro de uma menina de 4 anos, ocorrido em Imbituba em janeiro, chega ao fim. O processo seguiu em sigilo para preservar a identidade das pessoas envolvidas, mas o crime foi duramente investigado nos últimos 60 dias.

A conclusão aponta para um adolescente de 14 anos, primo da vítima e que não mora mais no município. O caso, inicialmente investigado pelo delegado de Imbituba, Raphael Johann Giordani, também foi acompanhado pelo delegado Paulo Henrique Ferreira de Deus.

Em janeiro, no bairro Arroio, os pais da criança deixaram a filha na casa de parentes, no mesmo terreno da família, onde residem mais quatro crianças, três meninos e uma menina, com idades entre 10 e 16 anos.

Raphael Giordani à época informou que a menina e outras duas crianças, um garoto de 10 anos e uma menina de 12 anos, dormiram no mesmo quarto da vítima. O pai da criança de 4 anos, ao buscar a filha, percebeu que ela estava com sangramento na região púbica e acionou a polícia e o Conselho Tutelar.

Passados dois meses, após terem recebido os laudos do IML – IGP/SC e da psicóloga da Polícia Civil, e ouvido os depoimentos dos pais e adolescentes envolvidos, o inquérito apontou a autoria para o adolescente de 14 anos.

“Por se tratar de um menor, o caso será encaminhado para a Vara da Infância”, relatou o delegado. Ele explicou que possivelmente o adolescente responderá por Ato Infracional e lhe serão aplicadas medidas socioeducativas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Com informações do Portal Notisul

Notícias Relacionadas

Ciclista morre após ser atropelado na SC-285, em Araranguá

Operação resulta em apreensão de drogas e três prisões, em Imbituba

Moradora é morta a facadas e R$ 5 mil são roubados, em Forquilhinha

Mulher encontrada morta em Balneário Arroio do Silva é identificada