Geral

INSS deixa de considerar benefícios para cálculo de renda per capita

Decisão está publicada no Diário Oficial

Divulgação

Portaria publicada pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)  no Diário Oficial da União de hoje (24) retira do cálculo que define o valor da renda per capita (por habitante) familiar benefícios concedidos a idosos e a pessoas com deficiência.

Segundo a medida, os benefícios previdenciários de até um salário mínimo (R$ 1.100) ou os de prestação continuada concedidos a idosos com idade acima dos 65 anos ou a pessoas com deficiência não deverão mais compor o cálculo que define qual é o valor da renda per capita de uma família.

A renda per capita familiar é utilizada como referência para a inclusão ou não de uma pessoa em programas sociais do governo federal, como é o caso do auxílio emergencial, do Bolsa Família e de programas sociais – entre eles, os voltados à habitação.

Com informações da Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Criciúma: Após discussão, homens são alvejados em Criciúma

Disparos causaram ferimentos graves.

Cadê o sol? Frente fria passa por Santa Catarina e tempo tem mudanças

Atuação de baixa pressão sobre o Estado influencia nas alterações climáticas.

“Domingo na rua” retorna neste fim de semana em Tubarão

Projeto destinado aos moradores de Tubarão e região será retomado neste domingo (24).

Jovem de 25 anos morre após acidente em Jaguaruna

Após colisão frontal o motociclista não resistiu aos ferimentos e morreu na hora; testemunhas relatam que o condutor da moto estava na contramão.