Esporte

JASTI: idosos preparados para a competição

Idosos que vão representar Criciúma na competição participaram de confraternização na manhã desta sexta-feira

A manhã foi de descontração para os 80 idosos que vão representar Criciúma na 8ª edição dos Jogos Abertos da Terceira Idade – Jasti. Na manhã desta sexta-feira (8) as equipes estiveram reunidas no Centro de Convivência da Terceira Idade da Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma – Afasc. O intuito do encontro foi de passar as informações dos dias e horários dos jogos e entrega de uniformes.

Os Jasti iniciam dia 16 de maio, com a abertura às 19 horas, no Ginásio Municipal de Esportes. A presidente da Afasc, Bebel Búrigo, salientou que os idosos estão preparados, treinados e agora irão se divertir.

“Como sede nós temos vagas em todas as modalidades. Criciúma só não será representada pela Afasc na bocha masculina, portanto somos mais que vencedores”, ressaltou. Ela afirma que já foi uma vitória competir com atletas de Criciúma e assegurar a maioria das vagas. “Queremos que o Jasti seja um momento de diversão. Que eles entrem na disputa com a vontade de participar. As medalhas serão consequência”, garantiu Bebel.

A coordenadora da Assistência Social da Afasc, Naiany Colombo Dias, afirma que os profissionais do serviço do idoso estarão envolvidos durante todo o evento e os 74 grupos de idosos irão participar levando energias positivas aos competidores.

“Os nossos facilitadores estão preparando faixas e levarão balões para os locais das provas. Serão dias de muita alegria e emoção para eles”, completou. Dona Bernadete Raupp Pedroso, de 67 anos, irá competir no Bolão 23 e está animada com a aproximação do evento. “Eu não jogava bolão, estou treinando deste o ano passado exclusivamente para o Jasti, mas sempre fui do esporte. Se vamos ganhar? Não sei, mas o que importa é a disposição e a vontade de participar”, falou aos risos.

Bernadete conta que ela e as companheiras de equipe já avaliaram os adversários. “Acredito que a turma da região de Blumenau será mais forte no bolão. Esperamos não pegar elas na primeira fase, pra avançar na competição”, considerou. Os Jasti é uma realização da Fundação Catarinense de Esportes (Fesporte), Fundação Municipal de Esportes – FME e conta com o apoio da Afasc.

Colaboração: Jussi Moraes / Comunicação Afasc

  • f1512223058ce6380b449c14f32b9963
  • fc88c8fc4693a48c380d2a1e46858143
  • 591d60f6f460fac2d139cf28d0e518f8
  • 81fccee9d0ac84768792b77d72d3fb4b
  • 7700a2456cb664f589235557d9d88804