Segurança

Jovem alega que matou amigo por engano em Laguna

Somente no domingo, um dia após o crime, o acusado descobriu que a vítima era um amigo dele, e que seu desafeto fugiu antes dos disparos.

Foto: Divulgação

Um jovem de 18 anos, acusado de matar Daniel Roberge Júnior, de 19 anos, em Laguna, foi preso. O rapaz, segundo a polícia, confessou a autoria do crime registrado no dia 9. Ele foi encontrado escondido em um edifício de familiares, em São José, na Grande Florianópolis. Ainda de acordo com as autoridades, o jovem estava planejando fuga para fora do Estado.

No crime, Daniel foi alvejado por três tiros. A investigação realizada pela Polícia Civil apurou que Daniel teria sido morto por engano. O acusado dos disparos teria ficado responsável por matar um desafeto dele, integrante de uma organização criminosa rival. Após discussões na Praça do Villa, o jovem preso teria disparado na direção de Daniel.

Somente no domingo, um dia após o crime, o acusado descobriu que a vítima era um amigo dele, e que seu desafeto fugiu antes dos disparos. Segundo a polícia, cerca de 100 pessoas estavam na praça no momento do homicídio. Após a prisão, o jovem foi encaminhado à Unidade Prisional Avançada de Laguna.

Com informações do Diário do Sul

Notícias Relacionadas

Idoso capota carro sobre a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

Motorista de aproximadamente 80 anos estava sozinho quando perdeu o controle do veículo com placas de Braço do Norte.

DIC de Criciúma apreende 1,5 kg de maconha e munição de calibre restrito

Revólver, munições e droga são encontrados durante blitz realizada pela PMRv de Içara

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio