Segurança

Jovem é baleado e se esconde dentro da igreja até a chegada da polícia em SC

Crime aconteceu no bairro Jardim Paraíso, em Joinville. vítima foi atingida com pelo menos dois disparos

Divulgação

Um jovem de 19 anos foi vítima de tentativa de homicídio na noite de quarta-feira (3) no bairro Jardim Paraíso, na zona Leste de Joinville. Após ser atingido por pelo menos dois tiros, ele se escondeu dentro de uma igreja até a chegada da polícia.

A Polícia Militar foi acionada para a rua Scorpius, esquina com a rua Pavo, por volta das 19h15. No local, uma igreja, os policiais encontraram o homem sentado em uma cadeira, com perfurações na região do tórax e marcas de sangue pelo corpo.

A vítima contou à PM que caminhava pela rua Lyra, também próxima à rua Pavo, quando dois homens em uma bicicleta se aproximaram e realizaram diversos disparos em sua direção. O jovem ainda disse que tentou correr, mas acabou atingido. Mesmo assim, conseguiu abrigar-se em uma igreja.

O jovem não soube informar aos policiais, no entanto, quem eram os autores dos tiros, nem as características dos suspeitos. Além disso, não soube apontar a motivação da tentativa de homicídio. Os policiais também tentaram coletar informações com possíveis testemunhas, que encontraram munições de calibre .38 na região, mas ninguém havia presenciado o crime.

A vítima foi atendida pelo Samu no local e encaminhada ao Hospital Municipal São José. A Polícia Civil e o Instituto Geral de Perícias também foram acionados na ocorrência.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Jovem morre afogado após salvar criança e adolescente no rio em SC: “Herói”

Corpo de Eduardo Cordeiro foi encontrado na manhã deste domingo (5)

Criança de seis anos é resgatada após queda de dois metros, em Paulo Lopes

Aeronave transportou a vítima até o Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis

Defesa Civil de SC emite alerta para temporais neste domingo com vento forte e granizo

Dia de altas temperaturas pode ter registro de chuva intensa em um curto intervalo de tempo por todo o Estado, de acordo com a Epagri/Ciram

Beach clubs de Jurerê têm que demolir estruturas feitas após 2005, determina STF

Para o advogado, o STF não determina a demolição das estruturas, e afirma que elas podem ser "readequadas" a partir de requerimento