Segurança

Jovem morto a tiros é identificado depois de 22 dias em Criciúma

A vítima de 23 anos foi identificada como Rafael da Silva.

Foto: Divulgação

 

Depois de 22 dias, o corpo de um jovem morto a tiros no dia 23 de janeiro, no Bairro Boa Vista, em Criciúma, foi identificado pela família nesta quinta-feira, 14. Ele permanecia até hoje no Instituto Geral de Perícia (IGP) de Criciúma. A vítima de 23 anos foi identificada como Rafael da Silva. Embora a família resida em São José, na Grande Florianópolis, Silva era morador de rua aqui na região.

A identificação foi possível depois que as informações colhidas pelo IGP foram repassadas à Delegacia de Pessoas Desaparecidas, que possuía o registro de Rafael.

A vítima era usuária de drogas e realizava furtos na região. A Divisão de Investigação Criminal (DIC) continua a investigação para elucidar a motivação da morte e quem a realizou.

Com informações do Portal DNSul

Notícias Relacionadas

Homem é assassinado e duas mulheres feitas de refém em Gravatal

Ocorrência foi registrada por volta das 11h20 pela Polícia Militar. Dois suspeitos foram presos.

Colisão frontal termina em morte em Balneário Rincão

Ciclista morre após ser atropelado na SC-285, em Araranguá

Corpo é encontrado carbonizado dentro de carro em Criciúma