Segurança

Jovem morto a tiros é identificado depois de 22 dias em Criciúma

A vítima de 23 anos foi identificada como Rafael da Silva.

Foto: Divulgação

 

Depois de 22 dias, o corpo de um jovem morto a tiros no dia 23 de janeiro, no Bairro Boa Vista, em Criciúma, foi identificado pela família nesta quinta-feira, 14. Ele permanecia até hoje no Instituto Geral de Perícia (IGP) de Criciúma. A vítima de 23 anos foi identificada como Rafael da Silva. Embora a família resida em São José, na Grande Florianópolis, Silva era morador de rua aqui na região.

A identificação foi possível depois que as informações colhidas pelo IGP foram repassadas à Delegacia de Pessoas Desaparecidas, que possuía o registro de Rafael.

A vítima era usuária de drogas e realizava furtos na região. A Divisão de Investigação Criminal (DIC) continua a investigação para elucidar a motivação da morte e quem a realizou.

Com informações do Portal DNSul

Notícias Relacionadas

Ciclista morre após ser atropelado na SC-285, em Araranguá

Colisão frontal termina em morte em Balneário Rincão

Dois morrem após colisão frontal entre motocicletas na SC-108, em Orleans

Mikael Fraga Claudino, de 22 anos, e Nelson da Silva, de 40 anos, pilotavam as motocicletas e não resistiram aos ferimentos.

Mulher encontrada morta em Balneário Arroio do Silva é identificada