Geral

Júri em Içara condena homem a 26 anos de prisão por feminicídio da esposa

O crime aconteceu em fevereiro de 2019

Divulgação

Um homem de 50 anos foi condenado a 26 anos de prisão, em sessão do júri promovida na última quinta-feira (22) na comarca de Içara. Segundo os autos, o crime aconteceu em fevereiro de 2019, quando o homem teria desferido contra a mulher socos, chutes e golpes violentos com instrumento contundente, que provocaram diversas lesões como trauma cranioencefálico e politraumas intensos, suficientes para a morte da vítima.

A vítima não teria esboçado reação por fazer uso de medicamentos controlados. Durante a madrugada, o homem acionou o atendimento médico de urgência e alegou que a mulher estava desacordada há muitas horas, e que teria ingerido uma grande quantidade de remédios numa suposta tentativa de suicídio. Porém, segundo os depoimentos dos socorristas, o corpo apresentava marcas de violência, além de sinais de rigidez, que indicavam que a morte havia ocorrido há mais de oito horas. Já o laudo pericial cadavérico apontou diversas lesões, fraturas em ossos, feridas no rosto, cabeça, tronco e membros, além de queimaduras de 1º grau.

O Conselho de Sentença reconheceu como qualificadoras homicídio o emprego de meio cruel e tortura, recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio. O réu foi condenado a 26 anos de reclusão, em regime inicial fechado. Cabe recurso da decisão. (Ação Penal 0000364-78.2019.8.24.0028)​​

Notícias Relacionadas

Covid-19: Força tarefa de Tubarão notifica dois estabelecimentos por não cumprir decreto de restrição

Em caso de reincidência pode haver interdição por 15 dias. Foram verificadas 24 denúncias entre às 7h desta sexta-feira e madrugada de sábado.

Discussão em família termina com disparos de tiros em Braço do Norte

O tiros foram contra um carro e de acordo com a Polícia Militar não havia ninguém no veículo.

Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio principal acumula em R$ 7 milhões

Foram sorteadas as seguintes dezenas: 02 - 05 - 10 - 29 - 34 - 41.

PF prende em Portugal suspeito de invasão hacker ao TSE

Homem é suspeito de envolvimento no ataque hacker ao sistema TSE, que divulgou dados do tribunal no dia do primeiro turno das eleições municipais.