Geral

Júri em Tubarão condena homem a 10 anos de prisão por homicídio qualificado

Crime aconteceu em março de 2015 e vítima foi atingida por único tiro.

Foto: Divulgação

Um homem de 33 anos foi condenado ontem, 05/02 , em sessão do Tribunal do Júri da comarca de Tubarão, a 10 anos e 4 meses de reclusão em regime fechado por homicídio qualificado privilegiado. O crime ocorreu na madrugada de 25 de março de 2015, quando o réu, após uma briga durante uma festa, na cidade-sede da comarca, acertou a vítima com um tiro no peito, que perfurou o pulmão e atingiu o coração do jovem de 19 anos.

O homem foi condenado por homicídio e foi reconhecida a qualificadora de utilização de recurso que dificultou a defesa da vítima. Também foi reconhecido pelo Conselho de Sentença o privilégio de que o crime foi praticado o crime sob violenta emoção, logo após injusta provocação por parte da vítima.​

Colaboração: Comunicação do Poder Judiciário de Santa Catarina

Notícias Relacionadas

Sentença de pronúncia levará para júri casal acusado por homicídio cometido com espada em Orleans

Segundo os autos, os crimes aconteceram em março deste ano, no bairro Rio das Furnas

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio

DIC de Criciúma apreende 1,5 kg de maconha e munição de calibre restrito

Revólver, munições e droga são encontrados durante blitz realizada pela PMRv de Içara