Geral

Justiça determina que criança seja indenizada em SC após erro em atendimento médico

Menino deverá receber R$ 20 mil com juros e correção monetária

Divulgação

A Justiça determinou que um hospital no Meio-Oeste de Santa Catarina indenize uma criança após erro durante um atendimento médico. Segundo a 1ª Vara Cível da Comarca de Videira, o menino deverá receber R$ 20 mil com juros e correção monetária por ter tido o braço engessado em vez de ter passado por cirurgia devido a um diagnóstico errado.

Segundo o Tribunal de Justiça de Santa Catarina, após 30 dias do prazo de repouso recomendado pelos médicos, familiares da criança perceberam que o menino estava com o braço torto e com uma “bola” no cotovelo. Ele ficou com cicatrizes e deformações na pele. A cirurgia da criança foi feita após um ano e oito meses de ele se machucar. Depois, ele submetido a outro procedimento de correção.

Na decisão, o juiz Rafael Resende Britto afirmou que as fotos dos autos não deixam dúvidas em relação às lesões da criança.

“Indubitável que a parte autora sofreu consideráveis deformidades que lhe causam constrangimento, o que considero suficiente para caracterização do dano estético”, pontuou.

Cabe recurso da decisão.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Caminhão cai em rio após ponte quebrar no interior de Orleans; veja vídeo

Acidente foi registrado na tarde desta terça-feira, dia 17, e as causas serão apuradas.

Neve cai pela segunda vez em Santa Catarina nesta terça-feira; veja vídeo

Fenômeno já havia sido registrado pela manhã. Condição favorável segue até madrugada de quinta-feira, segundo Epagri/Ciram.

Motorista embriagado é condenado por matar mulher em SC

O crime aconteceu em 2016 e foi ao Tribunal do Júri esta semana

Ladrão invade casa e furta item inusitado em cidade de SC

Dono da residência contou aos policiais que saiu e quando voltou para casa deu falta do objeto; caso ocorreu em Campos Novos