Litoral

Justiça manda banco indenizar cliente chamado de ‘burro’ por funcionário em agência em Santa Catarina

Correntista fez transferência para conta errada e foi xingado quando tentava resolver situação.

Divulgação

A Justiça mandou um banco indenizar em R$ 2 mil, por danos morais, um cliente que foi chamado de ‘burro’ por um funcionário dentro de uma agência em Florianópolis. O xingamento ocorreu depois que o cliente fez uma transferência para uma conta errada e procurou orientação de um representante da instituição bancária.

A decisão é de segunda-feira (10), do juiz Alexandre Morais da Rosa, titular do Juizado Especial Cível do Foro do Norte da Ilha, e foi divulgada pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) nessa quarta (12). Cabe recurso da determinação.

Conforme o processo, o funcionário do banco se irritou ao tentar entender o que tinha ocorrido com o cliente e por isso o xingou.

“O autor (…) comprovadamente foi xingado e destratado em público, por funcionário do banco (…) no exercício de suas funções laborais, tendo sido chamado de `burro’, palavra que, na vertente pejorativa, significa `indivíduo ignorante, estúpido, sem inteligência’, conforme dicionário on-line de português”, disse Morais da Rosa.

Quanto ao erro no depósito, o magistrado entendeu que a responsabilidade é da agência bancária porque é obrigação da instituição se certificar sobre o banco favorecido com o depósito, “já que isso diz respeito à atividade essencial que presta, qual seja, realizar operações no âmbito do mercado financeiro”.

A instituição financeira também foi condenada a ressarcir a correntista que seria beneficiada com a transferência de recursos em R$ 4 mil.

Com informações do site G1/SC

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Santa Catarina salta 16 posições e está entre os estados com menor incidência da doença no país

As estratégias de isolamento social e combate ao coronavírus levaram Santa Catarina a avançar para posição de destaque nacional no enfrentamento à pandemia.

Santa Catarina registra dois novos casos de coronavírus e divulga plano de contingência para enfrentar a doença

Em audiência pública, municípios do Sul decidem ir à Justiça para reverter questão dos pedágios na BR-101

As três associações de municípios que serão impactados pela implantação das praças de pedágios no trecho Sul da BR-101 se reuniram na Arena Multiuso Prefeito Estêner Soratto da Silva, em Tubarão

Justiça retira sigilo do processo ajuizado pelo Estado que resultou no bloqueio de R$ 11 milhões no caso dos respiradores

A decisão liminar foi concedida pela Justiça no dia 4 de maio, mas, após uma articulação entre a PGE e a Polícia Civil, além da retenção dos kits de testes, houve o bloqueio em conta dos R$ 11 milhões.