Geral

Licitação para iluminação da Via Rápida pode sair neste semestre

Celesc, que cuida de toda a questão, colocou a data, e destaca que o projeto segue em fase de orçamento.

Divulgação

Quem passa à noite pela Via Rápida terá que permanecer no escuro por mais um tempo. A licitação para a iluminação da rodovia, que estava prevista para ser lançada em 2019, está prevista para ser lançada no primeiro semestre deste ano. Mas o trabalho pouco avançou desde a data inicial.

Segundo a Celesc, responsável atualmente por cuidar de tudo que envolve a iluminação da Via Rápida, a licitação segue parada, pois eram necessários alguns ajustes no projeto. Assim como já estava em 2019.

Em nota, a estatal afirma que parte do projeto inicial de um trecho da via, apresentado à Celesc por cooperativa responsável pela obra, necessitou de ajustes da equipe de engenheiros da companhia para atendimento às normas técnicas, um dos motivos que causaram o adiamento do calendário previsto. “Neste momento, o projeto está em fase de orçamento e a previsão é publicar a licitação ainda no primeiro semestre. A empresa especializada e vencedora do processo licitatório será contratada e fiscalizada pela Celesc”, diz trecho da nota.

O projeto da iluminação da Via Rápida, no Sul do estado, prevê a instalação de luminárias de LED ao longo de todo o trecho de 12,7 quilômetros. A obra será custeada por convênio com o Governo do Estado de Santa Catarina, com recursos oriundos do ICMS, sem contrapartida dos municípios.

Quem paga a conta?

Outro ponto discutido é a questão da conta de energia. Como a rodovia corta as cidades de Criciúma e Içara, a Celesc diz que o pagamento deverá ser feito pelos dois municípios.

Segundo a Celesc, com Criciúma, já está tudo acertado. A companhia afirma que a Prefeitura assinou o documento de comprometimento do pagamento da fatura, enviado no início deste ano. Os valores serão arrecadados através da Contribuição para o Custeio da Iluminação Pública (Cosip).

Quanto a Içara, a Celesc disse que ainda aguarda uma resposta. Já a prefeita Dalvania Cardoso se disse surpresa com a notícia. “Eu não recebi nenhum ofício. O ofício está datado do dia 10 de dezembro e encaminhado ao ex-prefeito. Não havia chegado até nós. Mas já tomei conhecimento, já fiz uma ligação para a Bárbara [Kelly Citadin, gerente regional da Celesc], mas ainda não tive retorno”, adiantou.

Investimentos

No último dia 25 de janeiro, o presidente da Celesc, Cleicio Poleto Martins, o diretor de Distribuição, Sandro Levandoski, a gerente do Núcleo Sul da companhia, Bárbara Ceron e o gerente da Divisão Técnica do Núcleo Sul, Zulnei Casagrande, participaram de uma reunião virtual com a diretoria da Associação Empresarial de Criciúma (Acic). Na ocasião, a equipe da Celesc informou aos participantes sobre as obras na Via Rápida e também os investimentos na região.

Somente nos municípios atendidos pelo Núcleo Sul da empresa foram aplicados, até o momento, R$ 106 milhões. Entre os investimentos, destaque para duas novas subestações: uma em Capivari de Baixo, que está em licenciamento ambiental, e outra em Araranguá, com previsão de licitação ainda este ano, e com expectativa de operação para 2022. Além disso, outros R$ 189,5 mil foram destinados a projetos culturais e esportivos para o Bairro da Juventude, em Criciúma.

Readequações

O projeto original para a iluminação foi realizado pelo antigo Departamento de Administração da Infraestrutura (Deinfra), em 2015, dois anos antes da inauguração da Via Rápida. O problema é que ele não levou em consideração o relevo do local, padronizando as luminárias, como se estivessem todas no mesmo nível.

“Há desnível entre as pistas e tudo isso tem que ser levado em consideração na hora da especificação dos materiais. E veio especificada de forma padronizada, considerando tudo liso, tudo plano de fora a fora. Com isso aí há alterações nas especificações, preço e edital. Há a necessidade desta revisão, porque o relevo é importante. A altura das luminárias”, explica o gerente técnico da Celesc em Criciúma, Zulnei Casagrande.

Notícias Relacionadas

Acic faz apelo ao Estado para avanço na área tecnológica da região

Adolescente morre e quatro jovens ficam feridos em acidente em Içara

Audiência encaminha estudo para melhorar acessos entre bairros e Via Rápida de Criciúma

Os encaminhamentos foram dados e aprovados por dezenas de pessoas em audiência pública, na noite desta quinta-feira (31).

VÍDEO: Referência na região, Eletro Jo celebra uma década de sucesso em Orleans

A loja conta com a linha completa de materiais elétricos residenciais, comerciais e industriais e destaca-se pelo atendimento, produtos e responsabilidade no que faz.