Geral

Lotérica de SC inova com ‘Tainha da Sorte’ após cliente faturar R$ 11 milhões

Placa com o peixe foi colocada na lotérica

Foto: NSCTotal

Após um apostador levar para casa um prêmio de R$ 11 milhões em uma aposta realizada em novembro, a Lotérica Sul da Ilha, no Rio Tavares, Sul de Florianópolis, lançou a “tainha da sorte” na esperança de atrair a atenção da Mega da Virada, que está estimada em R$ 570 milhões neste ano. A ideia, que consiste em esfregar as mãos na imagem do peixe tradicional da capital catarinense, promete ser um amuleto para os clientes que sonham em se tornar os próximos milionários do país.

De acordo com Marcelo Gregorio, proprietário da Lotérica Sul da Ilha, a recepção da ideia foi positiva, especialmente entre os moradores locais. Além dos rituais, Marcelo aconselha os jogadores a participarem de bolões, uma estratégia para gastar menos e, ao mesmo tempo, aumentar as chances de ganhar.

Para realizar apostas na Mega da Virada, os jogadores podem seguir o mesmo procedimento dos sorteios normais da Mega Sena. Os jogos devem ser feitos até as 19h do dia do concurso, em qualquer casa lotérica credenciada no país, ou pela internet, via aplicativo ou página de loterias online da Caixa. A aposta mínima custa R$ 5, e os apostadores podem escolher marcar mais dezenas, tornando o jogo mais caro, mas aumentando as chances de ganhar e potencializando os prêmios. Por exemplo, uma aposta com sete números melhora significativamente as chances de acerto, passando a ser uma em cerca de 7 milhões (7.151.980).

Informações retiradas do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Suspeito de apedrejar, estuprar e jogar mulher que voltava de aula dentro de riacho é preso em SC

Vítima chegou a ligar para o marido falando que era seguida, mas ele não chegou a tempo. Caso ocorreu em Jaraguá do Sul. O estado de saúde dela é considerado estável.

Dino propõe fim da aposentadoria compulsória para juízes e militares

Perda do benefício poderá ser aplicada aos que cometerem delito grave

Supercarga de explosivos é localizada pela polícia em pacata cidade de SC

Explosivos foram encontrados em área rural e serão periciados

Empresário de SC é desmascarado após 20 anos se passando por outra pessoa

De acordo com a Polícia Civil, nem esposa e filhos do homem sabiam que ele usava nome falso