Litoral

Mãe que deu à luz intubada por Covid-19 conhece filho por videochamada

Internada desde o início de julho, moradora de Presidente Getúlio teve o primeiro contato com o filho graças à tecnologia.

Divulgação

Uma mulher teve o primeiro contato com o filho recém-nascido impedido por conta da Covid-19. Cristini de Andrade Griboski, de 29 anos, está internada desde o início de julho e na última semana deu à luz ao pequeno Cássio Jórdan, no Hospital Regional Alto Vale, em Rio do Sul.

A mãe está internada desde o dia 3 de julho e intubada na UTI desde o dia 5. Porém, o isolamento no hospital não foi impeditivo para a moradora de Presidente Getúlio ver o bebê. Com o auxílio da tecnologia, Cristini pôde conhecer o filho recém-nascido. Através de uma videochamada, a mãe conseguiu ver o filho, 24 horas após o parto que aconteceu dia 21 de julho.

Cássio nasceu com 35 semanas e é o segundo filho de Cristini com Charles Jonas Griboski, que também esteve internado por conta da Covid-19. Charles foi diagnosticado ainda em junho e ficou internado no hospital de Ibirama. O pai de Cássio também só conheceu o filho por meio de uma videochamada.

“Foi emocionante a reação para nós que acompanhamos”, descreveu uma das enfermeiras que realizou a chamada de vídeo. Ainda não há previsão para quando Cristini e Cássio vão se encontrar pessoalmente. Ela segue internada na UTI e deve deixar a Unidade de Tratamento Intensivo nos próximos dias, mas ainda não poderá ver o filho, que atualmente está na UTI Neonatal.

Com informações do site ND Mais

Notícias Relacionadas

Denúncia de bullying será investigada em Tubarão

Uma das acusações é que um professor e outra aluna do colégio passaram tinta e cola no cabelo da criança.

Mãe pede medida protetiva após filho agredir família em Braço do Norte

O filho agrediu a irmã de 9 anos e quebrou objetos em casa

Após surto psicótico, jovem mata mãe e irmã a facadas em Tubarão

O crime aconteceu por volta das 14 horas na residência da família no bairro São Martinho. As vítimas de 42 e 13 anos foram atingidas no peito e no abdômen.

Homem é preso por agredir esposa e filho de quatro meses em Lauro Müller

A violência doméstica foi registrada por volta das 16h desta terça-feira (16)