Saúde

Mãe sonha com tumor e ajuda a salvar o filho, em Laguna

Após o filho apresentar problemas de visão, Claudia teve o sonho e agendou um exame; um mês depois, veio a confirmação.

Foto: Divulgação

O que para muitos pode passar despercebido, para Claudia de Fátima Freitas, foi a chance de salvar o filho, Marco Freitas, de 23 anos. Após o filho apresentar problemas de visão, Claudia teve um sonho em que Marco estava com um tumor na cabeça. Certa de que foi um aviso, a mãe agendou um exame e, um mês depois, veio a confirmação: o filho estava mesmo doente.

“Se não fosse eu acreditar no meu sonho e no amor de mãe, hoje talvez meu filho neste estivesse vivo”, diz a mãe. Ela e o filho caçula moram há 15 anos em Laguna. Atualmente, Claudia se dedica aos cuidados de Marco. O jovem, desde o diagnóstico, registrado em novembro do ano passado, já foi submetido a três cirurgias. “Agora, ele começa a recuperar a fala e a coordenação motora. Porém, é um processo longo e lento”, revela a mãe.

Conforme Claudia, Marco deve iniciar nos próximos dias a radioterapia. “Ele não pode retirar o tumor todo, pois a operação comprometeria sua visão. Apesar de ser benigno, é um tumor bastante agressivo e que requer cuidados”, destaca a mãe. Em casa, aos cuidados da sua mãe e suas duas irmãs, Marco precisa de diversos tratamentos, como fisioterapia e fonoaudiologia, acompanhado por médicos especialistas por tempo indeterminado.

Para custear o tratamento, a família conta com ajuda de amigos. Mas, quem desejar ajudar, pode fazer depósito através da conta na Caixa Econômica Federal, agência 4918, operação 013, conta número 00003177-5, em nome de Nayara de Freitas Teixeira (irmã de Marco). “Toda ajuda é bem-vinda. Aos poucos, Marco vai melhorando e temos fé de que tudo irá dar certo”, afirma a mãe do jovem.

Com informações do jornal Diário do Sul

Notícias Relacionadas

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Psicologia auxilia no combate ao tabagismo

Lauromüllense narra experiência de percorrer 54 mil km sobre duas rodas em 100 dias; Veja vídeo

Papai Noel atende pedido especial de criança em Urussanga

Querido Papai Noel... Assim começa a carta do pequeno Ray de 4 anos, encaminhada ao Papai Noel que atendeu o seu pedido especial: ser bombeiro.