Geral

Mais de 100 anos de prisão para dupla condenada por latrocínios na comarca de Imaruí

Segundo a denúncia, um acusado, enteado de uma das vítimas, planejou roubar o carro do homem e o dinheiro que ele guardava em casa

Divulgação

Dois homens foram condenados por um duplo latrocínio que vitimou irmãos a penas que, somadas, ultrapassam 100 anos de reclusão. A decisão é da juíza substituta Keila Lacerda de Oliveira Magalhães Garcia, lotada na Vara Única da comarca de Imaruí. Os crimes aconteceram em outubro de 2020, na Estrada Geral Tamborete, cidade-sede da comarca.

Segundo a denúncia, um acusado, enteado de uma das vítimas, planejou roubar o carro do homem e o dinheiro que ele guardava em casa. No dia dos fatos, os dois réus foram até a residência da vítima, armados com facas, e a renderam. Exigiram as chaves do carro e o dinheiro. Quando a vítima gritou por ajuda, foi atingida por diversos golpes de faca. O homem ficou 20 dias internado, mas não resistiu aos ferimentos. Seu irmão, que chegou ao local para socorrê-la, também foi esfaqueado e morreu no local.

Os réus foram condenados, por duplo latrocínio, a penas de 54 anos e cinco meses de reclusão e 46 anos e oito meses de reclusão, respectivamente, ambas em regime inicial fechado. Cabe recurso da decisão ao TJSC. O processo tramitou em segredo de justiça.​​​

Notícias Relacionadas

Ex-prefeito de Criciúma é preso após perseguição policial

Márcio Burigo, posteriormente identificado, desobedeceu a ordem legal dos policiais e se evadiu por cerca de dois quilômetros

Filezão: diversos celulares são furtados durante o evento; organizador é notificado por conta da aglomeração

O evento reuniu milhares de pessoas.

Rayssa Leal e Lucas Rabelo são os campeões da etapa de Criciúma do STU National

Maranhense e cearense largam na frente no circuito brasileiro 2022, iniciando o ano como terminaram 2021: com título

Três mulheres ficam feridas em acidente no centro de Cocal do Sul

O acidente aconteceu na rua Edson Gaidzinski