Saúde

Mais de 900 pessoas em São Ludgero não foram receber a primeira dose da vacina contra Covid-19

A Sala de Vacinas funciona na ESF Margem Esquerda das 8 às 17 horas sem fechar ao meio-dia

Divulgação

Amanhã, quinta-feira, 9 de setembro, das 7h30min às 16h30min, São Ludgero continuará vacinando pessoas com 18 anos ou mais que por algum motivo não receberam a primeira dose da vacina contra Covid-19. Até o momento são mais de 900 pessoas que não foram receber a primeira dose da vacina. Amanhã, também, as pessoas agendadas receberão a segunda dose da vacina Pfizer. Acontecem na Sala de Vacinas, localizada na ESF Margem Esquerda.

A responsável pela Sala de Vacinas, Rosi Borba Werncke, reforça o pedido para que as pessoas tomem a primeira dose da vacina. “Além dos cuidados básicos, a vacina é a forma mais eficaz de combater o vírus que já tirou a vida de muitas pessoas e levou muita gente para os hospitais”, alerta.

Durante a vacinação contra Covid-19 as Secretarias de Assistência Social e Saúde estão realizando a campanha “Vacina contra Fome” com o objetivo de arrecadar alimentos não perecíveis e ajudar famílias necessitadas do município.

A Sala de Vacinas funciona na ESF Margem Esquerda das 8 às 17 horas sem fechar ao meio-dia. Dúvidas podem ser sanadas pelo telefone 3657-0828.

Notícias Relacionadas

Veículo alugado e não devolvido é recuperado pela PRF na BR-101, em Tubarão

O motorista, de 32 anos, alegou ter locado o veículo em 2019 para trabalhar como motorista autônomo, e que não sabia da condição do veículo

Motorista morre e duas passageiras ficam feridas em acidente na BR-280, em SC

Colisão aconteceu por volta das 17 horas de quinta-feira, no Planalto Norte Catarinense, em em São Bento do Sul

Professor é indiciado por compartilhar pornografia infantil com alunos em SC

Justiça afastou o homem das salas de aula, e Secretaria de Estado da Educação abriu sindicância interna

Mudas de banana são doadas para as escolas municipais de Criciúma

Iniciativa é uma parceria entre a Gerência de Agricultura e Agronegócio e a Secretaria Municipal de Educação