Sem Categoria

Médico condenado por violência sexual contra pacientes em SC tem prisão mantida pela Justiça

Ginecologista foi condenado a oito anos de prisão em regime fechado

Divulgação

O ginecologista acusado de violência sexual contra pacientes em Florianópolis teve a pena mantida pela Justiça. Conforme a acusação, os atos foram praticados no consultório do médico em 2017.  Ao menos três mulheres denunciaram o abuso. Ele foi condenado à pena de oito anos de prisão.

A decisão da 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina ocorreu na última terça-feira (19), mas o parecer tornou- se público nesta segunda-feira (25). A decisão foi unânime entre os desembargadores.

A pena de oito anos em regime fechado pelo crime de violência sexual mediante fraude havia sido deferida pela juíza Alessandra Meneghetti,, da 2ª Vara Criminal.

O médico chegou a ser acusado de falsificação, corrupção e adulteração de produtos médicos após o  remédio abortivo Cytotec ser encontrado em seu consultório. Contudo, ele acabou absolvido das acusações por falta de provas.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Caminhão cai em rio após ponte quebrar no interior de Orleans; veja vídeo

Acidente foi registrado na tarde desta terça-feira, dia 17, e as causas serão apuradas.

Neve cai pela segunda vez em Santa Catarina nesta terça-feira; veja vídeo

Fenômeno já havia sido registrado pela manhã. Condição favorável segue até madrugada de quinta-feira, segundo Epagri/Ciram.

Motorista embriagado é condenado por matar mulher em SC

O crime aconteceu em 2016 e foi ao Tribunal do Júri esta semana

Ladrão invade casa e furta item inusitado em cidade de SC

Dono da residência contou aos policiais que saiu e quando voltou para casa deu falta do objeto; caso ocorreu em Campos Novos