Geral

Moradora de Chapecó é intimada suspeita de fazer apologia ao assalto em Criciúma

Mulher utilizou redes sociais para chamar assaltantes de "ídolos"

Divulgação

O assalto aos bancos em Criciúma tem dado o que falar ainda, e o fato da vez, foi de uma mulher de Chapecó, que foi identificada e intimada pela Polícia Civil por publicar frases de apologia ao crime após o ato criminoso. A informação foi divulgada nesta terça-feira, dia 8. Segundo a nota enviada pela polícia, horas depois do roubo, a mulher realizou postagens em rede social em que exaltava a ação dos criminosos.

A mulher foi intimada a prestar esclarecimentos sobre a suposta prática de apologia ao crime após uma denúncia anônima. Ainda conforme a Polícia Civil, ela parabenizou os assaltantes e chamou-os de “ídolos”.

“Os moradores daquela cidade, que foram submetidos pelos criminosos a momentos de pânico e de risco de vida extremo, devido ao uso de armamento pesado e de explosivos, merecem respeito, bem como os profissionais de todas as polícias que estavam no local e que atuaram no atendimento e seguem trabalhando na investigação destes crimes”, diz a nota da Polícia Civil.

Um Termo Circunstanciado em desfavor da mulher foi lavrado e os autos foram remetidos ao Poder Judiciário para as medidas processuais cabíveis. Segundo a Polícia Civil, embora a livre manifestação do pensamento seja garantida pela Constituição Federal, demonstrações públicas que excedam o direito individual e atinjam a coletividade (no caso, a paz pública), devem ser apuradas e punidas.

Fazer apologia ao crime (como enaltecer e parabenizar atos criminosos) é crime previsto no artigo 287 do Código Penal Brasileiro, punido com três a seis meses de detenção e multa.

Com informações do TNSul

Notícias Relacionadas

Servidores públicos da Prefeitura de São Ludgero recebem a partir de março 4,52% de reposição salarial

A reposição é com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e não são contemplados secretários municipais, vice-prefeito e prefeito.

Vacinação em SC: Doses que chegaram ao estado nesta quarta são distribuídas

Na maior parte dos municípios, as doses serão utilizadas para imunizar trabalhadores da saúde e idosos entre 80 e 84 anos.

Paço Municipal de Braço do Norte fará atendimento remoto nesta quinta e sexta-feira

A medida é necessária para que os servidores passem por testagem, já que novos casos de infecção por Covid-19 surgiram no local.

Ensino superior e a oportunidade de trabalhar no exterior

Hilton Silva, de 30 anos, mudou-se para Portugal em 2020