Trânsito

Motociclista de SC é flagrado a mais de 200 km/h em rodovia estadual

Flagrante ocorreu por volta das 8h deste sábado (26) e piloto ainda tentou desviar da fiscalização

Divulgação

Um motociclista de Blumenau foi flagrado a mais de 200 km/h na SC-421, em Pomerode, no Vale do Itajaí. O caso foi registrado na manhã deste sábado (26). No local, o limite de velocidade é de 80km/h, ou seja, ele estava duas vezes e meia mais rápido do que o máximo permitido para a rodovia estadual.

A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) fazia a fiscalização com radar portátil rodovia Werner Duwe, como é conhecida, quando registrou o caso, por volta das 8h. De acordo com os agentes, o motociclista chegou a tentar uma manobra para de esquivar do flagrante, trafegando em zigue-zague, mas não teve sucesso.

O radar mostrou que a moto Kawasaki Z1000 — que custa na casa de R$ 70 mil — estava a 202 km/h. Segundo o site da fabricante, ela pode chegar a 240 km/h.

Conforme a polícia, a moto é de Blumenau. O veículo não chegou a ser abordado, mas o piloto será autuado por excesso de velocidade, considerado infração gravíssima, com perda de sete pontos na carteira, suspensão do direito de dirigir e pilotar por um ano e multa de R$ 880,42.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Cachorro “aussaltante” é flagrado ao levar salame de padaria em Criciúma; veja vídeo

Tutor do animal se dispôs a pagar pelo prejuízo, mas padaria deixou salame de cortesia

Sequestro relâmpago acaba em grave acidente em SC

Duas pessoas foram feitas reféns no sequestro relâmpago; o criminoso tomou a direção do carro, mas bateu em seguida

Cidades da Serra têm alta de até 60% na economia em maio incomum com neve

Restaurantes, lojas e postos de combustíveis reforçaram lucros com "boom" de turistas

Serra do Corvo Branco é liberada de Urubici até o corte

Equipes coordenadas pela Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) trabalham na limpeza da rodovia e na recuperação de encostas há cerca de 10 dias, quando fortes chuvas atingiram Santa Catarina