Trânsito

Motorista embriagado é preso após atropelar dois meninos em Araranguá

Homem foi atuado por lesão corporal com agravante de dirigir alcoolizado.

Divulgação

Um motorista de 35 anos foi preso em flagrante suspeito de dirigir bêbado e atropelar dois meninos de 12 anos na tarde de segunda-feira (7), em Araranguá. Ele foi autuado por lesão corporal com agravante de dirigir alcoolizado.

As vítimas estavam caminhando pela Rua Anastácio de Oliveira Sores, uma estrada não pavimentada. Uma delas levava uma bicicleta, quando foi atingida pelo carro. De acordo com a Polícia Civil, o teste de bafômetro confirmou a embriaguez. Em depoimento, ele contou que foi desviar de um cachorro e não viu os meninos. Mas uma testemunha afirmou à polícia que não havia cão e que o homem dirigia em alta velocidade.

O motorista foi levado para o Presídio Regional de Araranguá e deve passar por audiência de custódia. Um dos meninos machucou a cabeça e a perna. Ele foi levado para o Hospital Regional de Araranguá e o estado de saúde é estável. O outro estava com suspeita de traumatismo craniano e pela gravidade do caso foi transferido para o Hospital São José, em Criciúma. A Polícia Civil pediu uma perícia no local do acidente, do carro e também da bicicleta. Também vai pedir o exame de corpo de delito das vítimas.

Com informações do G1 SC

Notícias Relacionadas

Motorista que passeava por Garopaba com CNH falsa é condenado a 3,6 anos de reclusão

O documento tinha a foto dele, mas o nome era de outra pessoa. Na delegacia, os policiais descobriram a verdadeira identidade do réu e constataram que havia contra ele um mandado de prisão em aberto, por roubo tentado.

Homem fica preso nas ferragens após acidente com dois veículos na SC-108, em Criciúma

A colisão ocorreu entre dois veículos no Bairro São Simão por volta das 15h20 desta quarta-feira (11)

TRF4 manda afastar do cargo prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, preso na Operação Chabu

Determinação é que fique 30 dias fora das funções e não faça contato com demais suspeitos de envolvimento na operação. PF investiga a violação de sigilo de operações policiais

Estado indenizará cidadão equivocadamente anunciado como preso em nota de rede social em Sombrio

O Estado de Santa Catarina foi condenado a indenizar o homem, por danos morais, em R$ 5 mil