Giro Estadual

Mulher morta há 3 anos aparece na lista de vacinados contra a Covid-19 em SC

A prefeitura abriu sindicância assim que a situação foi percebida e vai apurar o que houve

Divulgação

Uma mulher morta em 2018 apareceu na lista de pessoas vacinadas contra a Covid-19 em Blumenau. O caso foi percebido nesta quarta-feira (2) pela equipe da unidade de saúde em que a senhora era atendida enquanto estava viva.

A prefeitura emitiu comunicado informando a abertura de uma sindicância interna para apurar os fatos. A administração municipal acredita na possibilidade de que alguém tenha feito uso dos dados da mulher.

“A vacinação não teria ocorrido pelo sistema de agendamento com aplicação na Vila Germânica, mas por meio do processo de vacinação itinerante, que realiza a aplicação em pessoas acamadas e casas asilares, por exemplo”, diz a nota da prefeitura.

A Secretaria da Saúde fez um rastreamento das informações e entregou o material à Procuradoria Geral do Município para analisar o ocorrido e “apurar responsabilidade dos envolvidos, caso seja comprovado que houve adulteração ou falsificação na utilização de registros”.

O caso será comunicado também ao Ministério Público, segundo a prefeitura. A administração municipal apontou compromisso com a transparência no processo de imunização em Blumenau. Citou que é possível consultar na internet a lista com os nomes dos vacinados.​

A vacinação em Blumenau

O boletim divulgado nesta quarta-feira (2), à noite, mostra 84.514 pessoas imuzadas contra a Covid-19 com a primeira dose. Até o momento, 34.174 receberam as duas aplicações. O número de pessoas atualmente em tratamento contra a doença é de 739, sendo 34 em UTI e 40 em enfermaria. Já são 529 vidas perdidas em virtude do coronavírus. 

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Pesquisa aponta aumento de casos de covid em 1.217 cidades esta semana

O número corresponde a 33,9% das 3.591 prefeituras ouvidas

Governo de SC vai prorrogar estado de calamidade pública até 30 de setembro

Com a medida, o Estado fica desobrigado de cumprir algumas metas fiscais, o que facilita o combate ao vírus

Santa Catarina avança na certificação de propriedades livres de brucelose e tuberculose

A intenção da Secretaria da Agricultura é ampliar o número de certificações, para que esse seja mais um diferencial competitivo do agronegócio catarinense

Governo do Estado abre licitação para elaboração de estudo para criação de rodovia alternativa à BR-101 Norte

A empresa que for selecionada na licitação terá seis meses para executar um estudo identificando onde poderá passar essa nova rodovia