Segurança

Mulher negocia a compra do próprio celular roubado e jovem é presa em Tubarão

Aparelho estava sendo vendido por uma rede social; depois de negociar, vítima foi buscar o celular junto com a polícia

Divulgação

Uma mulher teve o celular roubado e encontrou o aparelho à venda em uma rede social em Tubarão, no Sul de Santa Catarina. A vítima resolveu negociar e buscar o telefone junto com a policiais militares. A jovem de 19 anos que estava com o celular em mãos para entregar para a suposta compradora foi presa pelas autoridades de segurança.

A vítima de 27 anos teve o celular roubado na tarde dessa segunda-feira (26). Ao chegar em casa, ela buscou e encontrou o aparelho sendo vendido por um perfil na rede social. A mulher passou a negociar e marcou um horário para buscar e pagar o telefone.

Antes de comprar o aparelho, a vítima acionou a guarnição da Polícia Militar pela Central Regional de Emergências (CRE). Ao chegar no local, os agentes abordaram a jovem que estava com o celular em mãos. 

A suposta assaltante relatou que o telefone pertencia ao marido. Segundo ela, o homem chegou em casa com um celular da marca Samsung e falou que ia anunciar na internet para vender. Logo em seguida, uma mulher chamou ele pela rede social para comprar o aparelho. A autora foi presa e a Polícia Civil dará continuidade à investigação.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Decreto estadual mantém medidas contra a Covid-19 por mais duas semanas

Os atuais protocolos sanitários para convivência segura continuarão valendo em todo território catarinense.

Dois projetos aprovados e treze proposições pautam sessão do Legislativo de Lauro Müller

Cocal do Sul adere a campanha “Faça Bonito” em alusão ao abuso sexual infanto-juvenil

O dia 18 de maio é uma data instituída para refletir e debater o assunto e chamar a atenção da população quanto ao tema

CCR ViaCosteira informa cronograma semanal de obras na BR-101 Sul

Para a execução desses os serviços são necessários bloqueios de faixas e operações pare-e-siga, podendo ocasionar lentidão ou retenção de veículos em alguns segmentos