Geral

Município de Imbituba recebe R$ 100 mil para investimento em ações de combate ao COVID-19

A Prefeitura de Imbituba recebeu, na tarde desta segunda-feira (30), uma notícia muito importante, relacionada a investimentos para a prevenção e combate ao COVID-19.

Divulgação

A Prefeitura de Imbituba recebeu, na tarde desta segunda-feira (30), uma notícia muito importante, relacionada a investimentos para a prevenção e combate ao COVID-19. O Poder Judiciário de Santa Catarina acatou a um pedido do município, feito em conjunto com a Ordem dos Advogados do Brasil, subseção Imbituba, para o investimento de 100 mil no trabalho da Secretaria Municipal de Saúde.

O pedido foi feito ao Juiz de Direito da Comarca de Imbituba, Welton Rubenich, na última quinta-feira (26). Em, apenas, quatro dias, o magistrado determinou o repasse dos valores, que já estão disponíveis ao município. O investimento será feito por meio de acordos de transação penal e irá ajudar a prefeitura na compra de equipamentos, tais como, respiradores, monitores e materiais de consumo (máscaras, luvas, óculos de proteção e ampliação das equipes, de medicina e enfermagem).

“Queremos agradecer o empenho do magistrado Welton Rubenich, pois, esses recursos irão nos ajudar muito em tempos de pandemia. Também não podemos esquecer do empenho do Ministério Público de Santa Catarina e da Ordem dos Advogados do Brasil, subseção Imbituba, que não mediram esforços a contribuir com Imbituba nesse momento”, disse o Procurador Geral do Município, Leandro Ribeiro.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Imbituba

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

STF autoriza SC a utilizar recursos do pagamento da dívida com a União no enfrentamento da Covid-19

O pedido foi protocolado pela Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE) para garantir que a União deixe de aplicar qualquer tipo de penalidade ao estado em razão da suspensão dos pagamentos.

Com aperfeiçoamento constante, Associação de Apicultores de Orleans é destaque em Santa Catarina

Em três meses, PGE atuou em cerca de 270 ações judiciais e emitiu 36 pareceres jurídicos sobre Covid-19

A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) atuou de forma judicial e administrativa para dar suporte às decisões do Poder Executivo e garantir o cumprimento das determinações para conter o avanço do novo coronavírus no Estado.