Geral

Nacional: debate sobre adiamento de eleições

Alguns políticos defenderam adiamento do pleito devido à pandemia.

Divulgação

A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, disse hoje (23) que a discussão sobre o adiamento das eleições municipais de outubro é “precoce”. Em nota à imprensa, a ministra se manifestou pela primeira vez após políticos defenderem o adiamento do pleito devido à pandemia do novo coronavírus.

Rosa Weber lembrou que na semana passada o plenário do TSE rejeitou pedido para adiar datas dos procedimentos preparatórios das eleições. No entanto, a presidente disse que “a evolução diária do quadro fático está a exigir permanente reavaliação das providências”.

“Quanto ao adiamento das eleições municipais 2020, entendo cuidar-se de debate precoce, não sendo demais repisar que tem como objeto matéria prevista expressamente no texto constitucional e na legislação infraconstitucional”, afirmou.

No último fim de semana, a hipótese foi levantada pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, para evitar medidas eleitoreiras de combate ao novo coronavírus. Outros políticos também se manifestaram a favor do adiamento, mas o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse que não é o momento correto para discutir o adiamento.

Com informações do site Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Seminário discute desenvolvimento da cadeia leiteira no Sul de Santa Catarina

Expomais: evento reúne palestras, debates e atividades simultâneas em 40 horas de programação

Grandes nomes ligados ao marketing, administração, inovação e sinergia estarão em Criciúma nos dias 17 e 18 de outubro

Novos nomes do PSD se reúnem para discutir ações para as eleições deste ano

Secretário da Saúde debate modelos de contratação de leitos privados com órgãos de controle e prefeituras

Por conta do aumento significativo da ocupação dos leitos públicos, os entes públicos entendem como necessária a contratação na rede hospitalar privada