Geral

NPP: Prefeitura de Criciúma dá início ao desenvolvimento de projetos internos

Equipe do Núcleo de Projetos e Processos finalizou curso de capacitação e deve dar início a novas estratégias no Paço Municipal

Divulgação

Os servidores públicos de Criciúma integrantes do Núcleo de Projetos e Processos (NPP) começaram a desenvolver novos projetos internos. A equipe passou por um curso de capacitação em planejamento estratégico, finalizado na última sexta-feira (8). Ao todo, foram 60 horas de aulas, que auxiliarão no desenvolvimento e acompanhamento de metas das secretarias municipais.

“Já temos um exemplo de sucesso aplicando o que foi aprendido. Com o objetivo de desburocratizar alguns processos, fizemos um novo fluxograma de trabalho para o Centro de Planejamento Urbano”, explicou o gerente de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação, Edson Silva. Segundo ele, o número de procedimentos no setor caiu consideravelmente, e em breve, serão mais práticos, por meio de plataformas digitais.

O NPP é composto por 17 Agentes de Desenvolvimento Interno (ADI’s), servidores que trabalham na prefeitura, que acompanharão, juntamente da secretaria-geral, o avanço de futuros projetos e mudanças internas.

Próximos passos

De acordo com Silva, o NPP pretende, para o próximo ano, colocar em prática a Agência Reguladora de Serviços Públicos de Criciúma (Agercri). O órgão será uma autarquia para fiscalizar serviços públicos, como coleta seletiva, água e esgoto, parques e concessões, visando torná-los mais efetivos.

Notícias Relacionadas

Engenheiro da Famor esclarece aos vereadores de Orleans sobre trabalhos realizados

Na Ordem do Dia, foram aprovados Projeto de Lei Complementar, Moção de Apoio, Requerimento e Indicação.

Um projeto de lei e seis proposições pautam sessão do Legislativo de Lauro Müller

Atletas de Muay Thai, Karatê e Jiu Jitsu de Criciúma conquistam pódio em competições

Disputas foram no Rio de Janeiro e em Videira

“Ela era o tesouro da vida dele”, diz tia de policial morto pela filha em SC

Neife Werlang, de 46 anos, foi morto na sexta-feira (18) em São Miguel do Oeste; duas suspeitas estão apreendidas em Chapecó