Geral

Núcleo da Mulher Empresária da ACIVA promoverá Sessão de Negócios, em Araranguá

Evento visa oferecer oportunidade de novos negócios entre mulheres empreendedoras de Araranguá e região.

Foto: Divulgação

Como surgem bons negócios? A resposta para esta pergunta pode estar na Sessão de Negócios, que ocorrerá na próxima segunda-feira, dia 21 de maio, a partir das 19h no auditório III da Associação Empresarial de Araranguá e Extremo Sul Catarinense – ACIVA. O evento é organizado pelo Núcleo da Mulher Empresária com a metodologia do Sebrae.

De acordo com a coordenadora do Núcleo, Eloana Casagrande, a Sessão de Negócios tem o objetivo de aproximar diferentes empresas, e empreendedoras, possibilitando nascerem novos negócios. “O evento é uma oportunidade para as empresárias da região divulgarem suas empresas, e serviços, para um grande público”, comentou.

O encontro é exclusivo para as mulheres. Os valores de inscrição são: R$ 25,00 para nucleadas ou associadas à ACIVA e R$ 30,00 para não associadas.

Metodologia

A Sessão de Negócios utiliza a metodologia do Sebrae. O formato utilizará mesas redondas, lembrando uma reunião comercial. Cada empresária, dos mais variados segmentos, apresentará seu produto, ou serviço, no tempo de dois minutos. Com esta metodologia, cada empreendedora poderá se apresentar para todas as empresas participantes.

Para mais informações, as interessadas podem procurar a sede da Associação, que fica localizada na Avenida Getúlio Vargas, 415, no Centro de Araranguá, ou entrar em contato pelo número (48) 3524-0061.

Colaboração: Comunicação Aciva

Notícias Relacionadas

Homem é assassinado e duas mulheres feitas de refém em Gravatal

Ocorrência foi registrada por volta das 11h20 pela Polícia Militar. Dois suspeitos foram presos.

Grupo RB recepciona clientes durante evento em comemoração ao 5º aniversário

Senador garante R$ 40 milhões e obras da Serra da Rocinha não sofrem ameaça

Jovens e mulheres terão prioridade na liberação de recursos dos Programas da Secretaria da Agricultura de SC

De acordo com o Censo Agropecuário de 2017, em Santa Catarina são quase 170 mil agricultoras e mais de 6,9 mil propriedades rurais administradas por jovens.