Segurança

Organização criminosa que roubava caminhões é desarticulada em SC e no PR

O grupo seria responsável por pelo menos três crimes que aconteceram entre maio e agosto de 2020

Divulgação

Uma organização criminosa responsável por furtos e roubos de caminhões e caminhonetes foi alvo da Operação Tonelada, deflagrada pelo Ministério Público do Paraná, com o apoio do Gaeco de Santa Catarina, nesta quarta-feira (17).

Na ação foram cumpridos 13 mandados de busca e apreensão em Tubarão, Palhoça e Abelardo Luz, assim como em outros cinco municípios do Paraná: Marmeleiro, Clevelândia, Francisco Beltrão, Pato Branco e Boa Vista da Aparecida.

Os criminosos seriam autores de pelo menos três crimes que aconteceram entre maio e agosto de 2020 no Sudoeste paranaense, segundo as investigações. Os veículos eram roubados na região e levados em seguida para uma propriedade rural no município de Boa Vista da Aparecida. Lá era feita uma varredura em busca de rastreadores.

Após a procura pelos equipamentos, os caminhões eram deixados na região de fronteira com o Paraguai para serem transformados e comercializados com contrabandistas de cigarro.

De acordo com o Ministério Público do Paraná, o nome da operação faz referência a dois dos receptadores de veículos que utilizavam a expressão “Tonelada” para se referir ao esquema.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Vereadores de Lauro Müller aprovam Proposições, Requerimentos, Projetos de Lei e Projeto de Resolução

No Grande Expediente, oito vereadores aproveitaram para fazer seus pronunciamentos.

Satc Digital e Coopera firmam parceria para a aplicação do ensino corporativo

De forma gratuita, cinco cursos livres foram lançados nesta segunda-feira e estão disponíveis para a comunidade

Número de casos ativos de Covid-19 despenca em SC e índice é o menor em 17 meses

Dados mostram que o Estado vive um momento menos delicado da pandemia, e caminha para um processo de estabilização

Assistência Social de Criciúma entrega alimentos para instituições sociais no Parque das Nações

Ao todo, foram distribuídos 960 kg de carne, 1.500 kg de banana, 60 cestas básicas e 90 kits de legumes para 30 instituições