Saúde

Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo

Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo

Fotos: Simone Costa / Comunicação Prefeitura de Siderópolis

O sábado de sol foi perfeito para pedalar e Siderópolis aderiu às bicicletas pelo combate ao fumo. O passeio ciclístico, organizado pelo Governo Municipal, por meio da Secretaria de Saúde e Fundação de Esportes e coordenado pelo Programa de Controle do Tabagismo/AB/NASF, reuniu dezenas de pessoas no trajeto entre o bairro Fiorita e a Praça da Matriz, na manhã do último sábado (3), em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Fumo, lembrado no dia 31 de maio.

Na chegada, todos os participantes receberam medalhas. Os ciclistas Gianluca Pagani e João Pedro Levati, ambos de oito anos, foram premiados. O primeiro pela bicicleta mais enfeitada e o segundo ganhou uma bicicleta em sorteio realizado.

“O cigarro traz muitos malefícios à saúde e o consumo deve ser diminuído. Ações de incentivo ao exercício físico são exemplo para todas as idades”, destacou o vice-prefeito Alexandre Feltrin. Além do Passeio Ciclístico, a Academia de Letras e Artes de Siderópolis – Alasi e o Lions Clube da cidade estiveram na praça com troca de livros e contação de histórias.

O tema escolhido pela Organização Mundial da saúde para o Dia Mundial contra o Fumo 2017 foi ‘Tabaco: uma ameaça ao desenvolvimento’. Segundo a entidade, a epidemia de tabagismo continua sendo a maior ameaça à saúde publica que o mundo já enfrentou.

As evidências mostram que os produtos de tabaco são altamente letais, pois matam dois em cada três de seus consumidores e afetam também, a saúde de pessoas que não fumam, mas são obrigadas a inalar a fumaça de terceiros que poluem ambientes internos (fumantes passivos).

A perda de produtividade e o tratamento de doenças relacionadas e que são altamente incapacitantes e fatais e geram enormes prejuízos para as nações. No entanto, esses danos não se limitam a esfera do consumidor. A cadeia de produção de tabaco, também gera danos ambientais, sanitários e sociais para quem produz tabaco, especialmente no meio agrícola, ampliando a dimensão dos danos e prejuízos tabaco-relacionados para as sociedades.

“A participação das famílias foi muito importante neste dia, pois não há melhor educação que o exemplo. Unir atividade física com conscientização é um grande exemplo”, enfatizou a responsável pela Secretaria de Saúde de Siderópolis, Gláucia Cesa Périco.

Colaboração: Simone Costa / Comunicação Prefeitura de Siderópolis

  • Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo
  • Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo2
  • Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo3
  • Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo4
  • Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo5
  • Passeio Ciclístico movimenta Siderópolis pelo Dia Mundial Contra o Fumo6

Notícias Relacionadas

Parada da Saúde vai mobilizar a comunidade neste sábado em Morro da Fumaça

Exames rápidos, aula de zumba, tenda da beleza e passeio ciclístico são algumas das atividades no evento da Secretaria do Sistema de Saúde em parceria com o Sesc.

Urussanga recebe terceira edição do Passeio Ciclístico Caminhos do Vinho Goethe

Inscrições abertas para passeio ciclístico de Natal

Passeio ciclístico leva clima de Natal as ruas de Criciúma