Geral

Pastoral Carcerária da Diocese de Criciúma celebra com as mães no presídio

“É uma bênção para nós, porque eles nos trazem conforto. Enquanto a sociedade nos rejeita, sempre tem alguém que nos traz amor e que nos mostra que podemos recomeçar, que não estamos esquecidas”, desabafa a reclusa do Presídio Santa Augusta L.L.S., 34 anos, umas das 78 a receber a visita dos agentes da Pastoral Carcerária da Diocese de Criciúma, na manhã desta quarta-feira (6).

Ela e mais outra detenta, as únicas gestantes abrigadas pela unidade prisional no momento, integram o maior grupo identificado hoje pelos voluntários católicos: o das mães. Elas são maioria e, ao acolher uma oração, canto de louvor ou bênção, logo ficam emocionadas, pois recordam os filhos e netos e a distância que os separa além das grades.

“O pecado não é o mais importante. Importante é a graça que Deus nos dá: o perdão e a misericórdia. Deus me ama como sou”, frisou o assessor eclesiástico da Pastoral Carcerária, padre José Aires Pereira, em sua reflexão.

O presbítero conduziu a celebração da palavra com a partilha do pão bento e de chocolates, por ocasião da proximidade do Dia das Mães. “Quando o padre ou leitor proclama a Palavra, é Deus quem fala através dele. Um Deus consolador, que não nos abandona, que é presente e que nos ama. Confiem no Senhor e entreguem sua vida a Ele. Jesus nos mostra que Deus é Pai, mas é também mãe com aqueles que sofrem”.

Ao final da celebração, as mães aprisionadas foram convidadas ao gesto de colocar as mãos sobre seus corações, fechar os olhos e rezar por suas famílias, filhos e entes falecidos. “Que a bênção de Deus chegue a eles. Como vocês que estão longe não esquecem, assim também é Deus que não se esquece de seus filhos. Deus continua vos amando”, disse o presbítero.

Padre Aires também recordou a atitude de Nossa Senhora, mãe de Jesus, ao permanecer junto a seu filho, aos pés da cruz. “Mãe não esquece, porque quem ama não abandona!”.

Colaboração: Bibiana Pignatel Baesso / Comunicação Diocese de Criciúma

  • e8ab6766bd9c5aab74d0ea8c1df6196d
  • a4173ff9e2db4817eb2e1f4ec9308844
  • 908467d2fb6c9adc552f7f44182b9d01
  • 05913a221a9e9bd12bfd5fcc0cd28ebb
  • 324fdf71a2bf32797a4fc8fd4236d6bc