Geral

Piso nacional dos professores: Docentes municipais recebem os valores reajustados em Imbituba

O pagamento do piso aos professores municipais de Imbituba foi aprovado pelo governo municipal no ano passado, depois de décadas de espera.

Divulgação

Desde o dia 31 de janeiro, quando foi depositada a primeira folha de pagamento do ano para os servidores públicos municipais da Prefeitura de Imbituba, os professores da educação básica passaram a receber, integralmente, os valores do piso nacional da categoria, reajustados de acordo com o Ministério da Educação para o ano de 2020.

Segundo o MEC, os profissionais da rede pública da educação básica tiveram um reajuste de 12,84%, passando de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24. “O importante é mantermos a valorização dos professores. Valorizar a educação é fundamental, para que nossos servidores estejam motivados em sala de aula todos os dias”, disse o Prefeito de Imbituba, Rosenvaldo da Silva Júnior.

O pagamento do piso aos professores municipais de Imbituba foi aprovado pelo governo municipal no ano passado, depois de décadas de espera. Hoje, nenhum docente, em início de carreira, recebe menos do que o piso nacional da categoria.

A Lei Complementar 5022/19, que garantiu o piso nacional aos professores municipais de Imbituba, foi sancionada em maio do ano passado. Inclusive, o salário será atualizado, anualmente, no mês de janeiro, de acordo com os percentuais estabelecidos pelo Ministério da Educação.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Imbituba

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça nega recurso que pedia retorno de transporte coletivo municipal em Criciúma

O magistrado manteve a posição adotada pela 2ª Vara da Fazenda Pública da comarca de Criciúma

Ex-secretário municipal de Criciúma sofre condenação por desviar valores de bolsas de estudo

O acusado foi condenado a indenizar o município em R$ 692,5 mil e a fundação educacional em quase R$ 15 mil, ambos os valores acrescidos de juros e correção monetária.

IFSC e Gered abrem curso de formação para professores da rede estadual em Criciúma

Adultos entre 55 e 59 anos e professores podem tomar a vacina contra a gripe a partir desta segunda

A Campanha segue até o dia 5 de junho e todas as pessoas dos grupos prioritários, que ainda não tomaram a vacina, têm até esta data limite para se imunizar.