Segurança

Polícia Civil de Orleans indicia empresário por furto de energia elétrica

Foi encontrado uma irregularidade em uma empresa de Orleans

Divulgação

A Polícia Civil de Orleans indiciou o empresário, O.C.N, de 38 anos pelo crime de furto de energia qualificado por fraude, cuja pena é de 2 a 8 anos de reclusão mais multa. Após as investigações e realização da perícia foi constatado que na empresa do investigado, localizada no bairro Taipa havia uma ligação utilizada para subtração de energia elétrica, conhecido como ”gato”.

Chegando na empresa, verificou-se que o lacre na caixa de medição estava rompido e havia um fio estranho na bobina de corrente, objeto que fazia com que não fosse medida uma fase, gerando o prejuízo de 479,4 KWH, sendo que os prejuízos foram notificados ao proprietário da empresa, porém recusou-se a assinar do documento.

Notícias Relacionadas

Thiago Fontanela: Carbonífera Catarinense comemora 25 anos com missa

Atualmente a empresa emprega 600 empregos diretos e colabora para mais 5000 indiretamente, esse número deve crescer ainda mais com o decorrer dos anos

Tigre vence o Botafogo por 2 a 1 e sobe para 13º lugar no Brasileirão

Agiotas que cobravam dívidas até no local de trabalho das vítimas são presos em SC

Empresário está entre os presos

Fim de semana de veranico antecede chuvas e temporais em Santa Catarina

Esse novo veranico de junho antecede a passagem de uma frente fria