Segurança

Polícia Civil instaura novo inquérito contra vereador de Urussanga

O vereador foi indiciado por extravio de documento público

Divulgação

Na tarde desta quinta-feira, 10, após requisição do Ministério Público e informações contidas em inquérito policial onde o vereador foi indiciado por extravio de documento público, coação no curso do processo e crime ambiental, foi instaurado no inquérito policial para apurar crime de peculato desvio.

Em 2019, na condição de Secretário da Agricultura, mesmo sabendo que era ilegal, intermediou o envio de areão para possível eleitor, sem cumprir as regras da Lei da Porteira Aberta, onde é necessário o pagamento de uma quantia para que serviços sejam feitos pela Secretaria da Agricultura do Município dentro da propriedade do contribuinte.

O vereador já havia sido indiciado também por peculato culposo, fraude processual, posse irregular de arma do fogo, peculato desvio, advocacia administrativa e desobediência.

Com informações do TNSul

Notícias Relacionadas

Caminhão cai em rio após ponte quebrar no interior de Orleans; veja vídeo

Acidente foi registrado na tarde desta terça-feira, dia 17, e as causas serão apuradas.

Neve cai pela segunda vez em Santa Catarina nesta terça-feira; veja vídeo

Fenômeno já havia sido registrado pela manhã. Condição favorável segue até madrugada de quinta-feira, segundo Epagri/Ciram.

Motorista embriagado é condenado por matar mulher em SC

O crime aconteceu em 2016 e foi ao Tribunal do Júri esta semana

Ladrão invade casa e furta item inusitado em cidade de SC

Dono da residência contou aos policiais que saiu e quando voltou para casa deu falta do objeto; caso ocorreu em Campos Novos