Segurança

Polícia descobre que funcionário de empresa organizou roubo de carga em Orleans

Crime foi praticado em 2016 às margens da SC-108, entre Orleans e Urussanga. Inquérito foi finalizado e prisão dos acusados, solicitada pela Polícia Civil ao Fórum da Comarca de Orleans.

Delegacia de Orleans

Foto: Divulgação / Polícia Civil

A Polícia Civil finalizou nesta semana, o inquérito policial que identificou os suspeitos de roubo praticado em 2016, contra um caminhão de uma empresa, às margens da SC-108, no limite entre as cidades de Orleans e Urussanga. O crime teria sido planejado pelo próprio funcionário da empresa. O homem de 33 anos confessou a autoria, causando prejuízo de aproximadamente R$ 28 mil à empresa, proprietária da carga.

Conforme as investigações, na manhã de 16 de maio daquele ano, por volta de 08h15min, o motorista do caminhão e funcionário da empresa, L. T., de 33 anos, previamente ajustado com J. G. T. e outros dois comparsas, assaltaram o caminhão VW/8.160, rendendo o passageiro e colega de trabalho.

O motorista, segundo as investigações simulava ser vítima do crime. Junto com o auxiliar de cargas, teriam sido amarrados e deixado no matagal. Na ação foram levados a carga transportada e documentos.

A Polícia Civil, durante as investigações, foram até a casa de um dos cúmplices e encontraram o tacógrafo do caminhão e documentos do motorista e cúmplice no crime.

O motorista acusado de organizar o assalto confessou o crime à Polícia Civil e devolveu parte da carga roubada. A outra parte foi encontrada na residência do comparsa, onde foram encontrados os documentos.

Em depoimento à PC, o motorista afirmou que conheceu um homem em um bar do seu bairro que lhe propôs a realizar o desvio de cargasna empresa onde trabalhava. No início, conforme depoimento, não aceitou, mas depois da insistência e dificuldades financeiras, aceitou a oferta e praticaram o crime, simulando o assalto.

As investigações foram coordenadas inicialmente pelo delegado Bruno Sinibaldi, sendo continuada pelo delegado Ulisses Gabriel, hoje titular da Polícia Civil de Orleans.

Quanto aos acusados, ambos seguem em liberdade.

Notícias Relacionadas

Polícia Civil apresenta dados positivos na repressão de roubos em Criciúma com prisões realizadas e criminosos identificados

Comparado com 2018, os dados indicam redução de roubos com uso de arma de fogo, roubos em residência e roubos com mais de três autores, com estabilização da quantidade de roubos gerais.

Sentença de pronúncia levará para júri casal acusado por homicídio cometido com espada em Orleans

Segundo os autos, os crimes aconteceram em março deste ano, no bairro Rio das Furnas

Ex-secretário de Administração de Orleans e empresa tem bens bloqueados

Segundo o Ministério Público, Eduardo Bertoncini era responsável pela pasta na gestão do ex-prefeito Marco Antônio Bertoncini Cascaes

Apoio ao candidato Vitorassi para eleição da Coorsel se intensifica durante reuniões com associados

Na noite de hoje (16), às 19h30min, os associados da comunidade de São Gabriel são convidados a participarem do encontro com os candidatos, em Treze de Maio.